Kanye West GIF

Reprodução

Cantor foi colocado em liberdade condicional

Kim Kardashian, Kanye West

RAAK/AKM-GSI

Ao contrário do que ele pensa, Kanye West não é Deus. O rapper, que foi ao Carnaval do Rio de Janeiro e dormiu na festa, foi condenado a dois anos de liberdade condicional e 250 horas de trabalho comunitário por agredir fisicamente um paparazzo em julho de 2013 (veja aqui a foto). Assim como Chris Brown, Kanye também terá que fazer 24 sessões de terapia de controle de raiva. Além disso, a polícia de Los Angeles o aguarda para ser fichado.

No dia do incidente, ocorrido no Aeroporto Internacional de Los Angeles, nos Estados Unidos, Kanye - que muito em breve casará com Kim Kardashian - também tomou o equipamento do fotógrafo.

CASAMENTO KANYE WEST E KIM KARDASHIAN: Relembre aqui mais detalhes da cerimônia

A condenação de Kanye veio depois dele ter rejeitado um acordo com o fotógrafo Daniel Ramos, que por sua vez, afirma que o rapper lhe deu um soco e tacou sua câmera no chão.

O noivo de Kim Kardashian, de 36 anos, tampouco decidiu recorrer da condenação. Segundo o E!, promotores da cidade de Los Angeles decidiram que ainda vão tentar ampliar as penas sobre o cantor.

PROBLEMAS COM A JUSTIÇA

No começo deste ano, Kanye chegou a um acordo amigável com um homem que agrediu, após o rapaz ter insultado sua noiva Kim Kardashian. Já em 2008, ele foi deitdo por agredir fotógrafos e quebrar seus equipamentos, no mesmo aeroporto. Na época ele foi condenado a terapia e a pagar pelo prejú.

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.