Keira Knightley critica o comportamento pós-parto de Kate Middleton

Entenda!

por Corinne Heller | Traduzido Por Sally Borges | 05 out, 2018 22:17Tags
Keira Knightley, Kate MiddletonGetty Images

Keira Knightley decidiu revelar os seus sentimentos ao ver o pós-parto de Kate Middleton, na época em que ela deu à luz Charlotte, em 2015. O desabafo foi feito ao novo livro Feminists Don't Wear Pink and Other Lies, de Scarlett Curtis.

Intitulada The Weaker Sex, a carta revela como a atriz reagiu ao ver a Duquesa de Cambridge aparecer horas depois de receber a princesa, que veio ao mundo um dia depois da filha dela, Edie.

"Ela estava fora do hospital sete horas depois com o rosto maquiado e saltos altos", escreveu Keira. "O rosto que o mundo quer ver. Esconda-se. Esconda nossa dor, nossos corpos se dividindo, nossos seios vazando, nossos hormônios enfurecidos. Pareça linda, pareça estilosa, não mostre seu campo de batalha, Kate".

Naquela manhã, quando Kate deu à luz Charlotte, ela e Príncipe William saíram do hospital e mostraram a bebê ao mundo. Radiante, a bela usava um vestido amarelo floral, maquiagem, salto alto e cabelos alisados.

"Sete horas depois da sua luta com a vida e a morte, sete horas depois do seu corpo ter sido aberto, sangrando e gritando. Não mostre. Não fale", continuou a atriz. "Fique aí com sua garota e seja fuzilada por um bando de fotógrafos do sexo masculino. Isso é fácil. Isso acontece todos os dias. Qual é o problema? Então faça morrer, seus cabeças de merd*s, mas você não precisa fingir que é fácil".

leia também
Kate Middleton volta da licença-maternidade com novo corte de cabelo

Kate e William apresentaram George, de 5 anos, e o caçula, Louis, de 5 meses, da mesma forma. Keira se lembrou de quando sua família a visitou no hospital enquanto ela usava "um vestido de hospital e calças de papel" e ainda sangrava por causa do parto.

Ela se lembrou de como foi exposta, mostrando suas celulites e enquanto corria para cuidar da sua bebê que não parava de chorar. "Meus seios estava na frente de todo mundo e eu não me importo. Sua vida é a minha vida. Você precisa de mim. E eu estou lá", escreveu a atriz, já se referindo à filha.

Por fim, ela ainda se recordou que não dormiu durante a internação e que levou a bebê pra casa um dia após o parto.

"Meus sapatos estão incrustrados e pegajosos com o líquido amniótico de ontem. Eles fedem", detalhou a estrela. "Eu me lembro da merda, do vômito, dos pontos, do sangue. Eu me lembro do meu campo de batalha. Seu campo de batalha e sua vida pulsando. E eu sou o sexo frágil? Você é?", finalizou.

Criador de Celebridades: Toda quinta-feira, a partir as 20h. Só no E!