ESC: Stylish Soccer Players, Cristiano Ronaldo, Portugal

Karwai Tang/WireImage

Cristiano Ronaldo foi acusado de estupro por Kathryn Mayorga em um comunicado para a revista Reuters, mas o jogador negou que o episódio tenha acontecido.

Segundo a publicação, o abuso aconteceu em junho de 2009 em um quarto do hotel Palms Place, em Las Vegas. Kathryn afirmou que disse não várias vezes para as investidas do jogador, mas ele não a ouviu. Depois, ele se ajoelhou e pediu desculpa pelo o que aconteceu.

A advogada de Kathryn, Leslie Mark Stovall, afirmou que o caso terminou fora da corte. A vítima concordou em nunca mais falar sobre o incidente em troca de 375 mil dólares (aproximadamente R$ 1,4 milhão), porém, agora ela quer invalidar o acordo para que o jogador "se responsabilize" pelos danos causados.

Através do Twitter, Cristiano afirmou que o abuso não aconteceu: "Eu nego firmemente as acusações que estão sendo feitas contra mim. Estupro é um crime abominável que vai contra tudo o que eu sou e o que eu acredito. Com o interesse de limpar o meu nome, eu recuso a alimentar o espetáculo de mídia criado por pessoas que querem se promover através da minha imagem".

O jogador também comentou que está com a consciência "limpa" e que espera tranquilamente "o resultado de qualquer investigação".

Criador de Celebridades: Toda quinta-feira, a partir as 20h. Só no E!

  • Share
  • Tweet

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.