Anitta, Instagram

Instagram/@anitta

Anitta, que colocou fim no casamento com Thiago Magalhães, se envolveu em polêmica nesta quarta-feira, 19. Após internautas descobrirem que Anitta segue perfil de apoiadora do candidato à presidência Jair Bolsonaro, fãs se revoltaram no Twitter.

A partir daí, muitos começaram a cobrar uma posição da estrela, que diferente de famosas como Bruna Marquezine e Ludmilla, não aderiu a nenhuma campanha contra o deputado.

Através do Stories, a cantora desabafou sobre o assunto nesta quarta-feira, 19, e disse que sofreu ataques na internet.

Anitta, apoiadora de Bolsonaro

Instagram/@flaviadavilaperez

"Hoje comecei a ser atacada, xingada e ameaçada, porque eu segui uma amiga que expôs publicamente sua intenção de voto. Conheço essa minha amiga há mais de 7 anos e não gostaria de parar de falar com ela por conta de sua posição política", explicou ela.

"Venho aqui pedir mais amor, sou uma cidadã como vocês, trabalho, pago meus impostos. Como cidadã eu fiz meu dever, pesquisei e escolhi meu candidato e tenho direito ao voto secreto. Não sou obrigada a fazer campanha política pra ninguém por ser uma pessoa pública", revelou ela.

"Estou quieta no meu canto fazendo o que escolhi pra minha vida: ser cantora. Respeito as diferenças, sou feminista, respeito as sexualidades, essa sou eu como pessoa e todo mundo me conhece", desabafou.

"Eu vou sim continuar falando, e tendo amigos de direita e de esquerda porque eu respeito a opinião deles. Não gostaria de ser massacrada por não deixar de falar com parentes ou amigos que pensem diferente sobre política".

Criador de Celebridades: Toda quinta-feira, a partir as 20h. Só no E!

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.