Bispo é acusado de assediar Ariana Grande em funeral de Aretha Franklin

Entenda!

por Mike Vulpo | Traduzido Por Sally Borges | 31 ago, 2018 20:45Tags
Ariana Grande, Bishop Charles H. Ellis IIIANGELA WEISS/AFP/Getty Images

Ariana Grande pode ter milhares de fãs no mundo inteiro, mas um ou outro, por incrível que pareça, não a conhece...como é o caso do bispo Charles H. Elis III.

Nesta sexta-feira, 31, Ariana fez uma emocionante apresentação da música A Natural Woman, no funeral de Aretha Franklin, no Greater Grace Temple, em Detroit. Aretha faleceu no dia 16 de agosto devido a um câncer.

Depois da homenagem, o bispo Charles se uniu à cantora no palco, onde ele admitiu que não estava muito familiarizado com o trabalho de Ariana.

leia também
Ariana Grande conta detalhes do seu primeiro beijo em Pete Davidson

"Eu tenho que me desculpar porque eu tenho que me atualizar. Minha filha de 28 anos me disse ‘Papai! Você está velho aos 60'", revelou ele. "Quando vi Ariana Grande na programação, pensei que era algo novo no Taco Bell".

Para quem não sabe, Taco Bell é uma rede de restaurantes de comida mexicana dos Estados Unidos. Oi, bispo?

"Menina, deixe-me dar todo o seu respeito", disse Charles, após a apresentação. "Vocês gostaram desse ícone? Ela é um ícone. Venham, a façam se sentir amada".

Ariana se sentiu amada após as palavras do bispo e até riu da piada sobre o Taco Bell. "Nós amamos você, Aretha", acrescentou ela. No entanto, os fãs da cantora não gostaram nem um pouco da atitude de Charles. O motivo? Ele, claramente, passa as mãos pelo corpo e seios da cantora durante o seu discurso. No Twitter, os arianators logo subiram a hashtag #RespectAriana.

Pete Davidson, noivo da cantora, também participou da cerimônia. Ele bateu um longo papo com o ex-presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, e sua esposa, Hillary Clinton, antes do início do funeral.

Criador de Celebridades: Toda quinta-feira, a partir as 20h. Só no E!