Julio Cocielo

Instagram/@cocielo

Júlio Cocielo decidiu gravar um vídeo em seu canal no YouTube, Canal Canalha, a fim de se explicar e pedir desculpas sobre as acusações de racismo.

"Eu estou aqui, consciente do meu erro. Eu não quero tentar ter razão, querer debater pela razão em cima de alguma coisa que, realmente, não tenho razão nenhuma", iniciou Cocielo.

"Eu entendo muito bem a revolta que rolou. E, no meio de tudo isso, eu fui atrás para tentar entender onde foi esse erro. Eu agradeço as pessoas que souberam me ouvir e me explicar sobre o racismo institucional e o racismo velado. No momento que eu entendi, eu percebi que é importante e uma coisa que todo mundo devia aprender e entender. No meu caso, a minha ignorância foi combatida no conhecimento".

Ele também revelou que teve vergonha de tudo e todos e ainda comentou sobre a sua criação e o quanto isso atingiu a sua mãe. "Eu me sinto envergonhado em ter decepcionado ela. Eu não pensei duas vezes em me posicionar e pedir desculpas por todos esses erros".

"O que eu falei, não é piada hoje, não é piada é amanhã e nunca tem que ser. A gente tem que evoluir junto com o mundo. Eu vacilei. O que eu postava, hoje em dia, apareceu fora de contexto e não era maldade. Minha intenção nunca foi causar dor. Mas, infelizmente, é o que está acontecendo. Eu aceito todas as consequências, porque eu fui imaturo, fui irresponsável. Fui um completo ignorante".

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.