Christina Aguilera, W Magazine

Sara Cwynar/W Magazine

Confira!

Christina Aguilera acabou com os rumores de que teria deixado o The Voice por causa de Gwen Stefani. Em entrevista à revista W, Christina disse que se sentia como um hamster em uma roda, após seis temporadas no reality show com CeeLo Green, Adam Levine e Blake Shelton.

"As coisas realmente começaram a mudar. Eu assinei com um programa no qual o elemento de audição às cegas era algo interessante, algo genuíno. Depois de um tempo, porém, você começa a ver que todo mundo é de boa aparência. Não era um lugar confortável para mim, no qual eu fazia parte de uma máquina de fazer dinheiro. Quando eu paro de acreditar em algo, eu sou como ‘O que estou fazendo aqui?'", disse a cantora.

CHRISTINA AGUILERA LANÇA NOVO SINGLE TWICE

"Eu acho que escolhi, sem trocadilhos, sentar em uma cadeira por muito tempo e fazer algo bastante comercial para meus filhos. Mas em um certo momento eu senti que não estava fazendo o serviço, me traindo. Eles deveriam estar vendo a mamãe viver sua melhor vida", contou Christina, que negou ter saído do programa por conta do romance de Blake Shelton e Gwen Stefani. "Oh, meu Deus, não! Não, nunca teve nada a ver com qualquer pessoa. E, na verdade, eu acho realmente fofo. Blake e Gwen encontraram amor naquele ambiente caótico".

CHRISTINA AGUILERA E DEMI LOVATO LANÇAM FALL IN LOVE

"Eu lutei por muito tempo para conseguir duas mulheres nas cadeiras. E, por um bom tempo, me disseram que não era um demograficamente bom. Mas saiba que eu era apenas uma lutadora nos bastidores", contou. "Mais uma vez, me encontrei naquele lugar onde me dizem o que fazer, o que é aceitável ou inaceitável, o que está certa o que não. É tipo, Deus, vocês sabem, eu sou mãe de dois agora. O gênio está fora da lâmpada agora", finalizou.

  • Share
  • Tweet
  • Share