Queen Elizabeth II, Daniel Craig, Corgi, Dog, Olympics

Olympics / YouTube

Muito triste

A Rainha Elizabeth II, que vai ganhar show de Shawn Mendes em seu aniversário, passou por momento triste. Willow, seu último corgi, morreu aos 14 anos. Ele sofria de câncer e para evitar seu sofrimento foi sacrificado.

RAINHA ELIZABETH II MANDA INDIRETA AO ABENÇOAR CASÓRIO DE MEGHAN MARKLE E PRÍNCIPE HARRY?

A rainha já teve mais de 30 Corgis durante todo seu reinado e supostamente parou de criá-los há alguns anos, porque ela não queria deixar nada para trás depois de sua morte. Willow foi a 14ª geração descendente do primeiro cão da rainha, Susan, seu presente de aniversário de 18 anos. Seu pai, o rei George VI, trouxe pela primeira vez um corgi para a família real em 1933. Ele se chamava Dookie.

RAINHA ELIZABETH II ASSISTE A DESFILE DE MODA COM ANNA WINTOUR EM LONDRES

"Ela lamentou pela morte de cada um dos seus corgis ao longo dos anos, mas ficou mais chateada com a morte de Willow. É provavelmente porque Willow foi o último elo com seus pais e um passatempo que remonta à sua própria infância. Realmente parece o fim de uma era", disse uma fonte do Palácio de Buckingham ao Daily Mail.

MEGHAN MARKLE PARTICIPA DE SEU PRIMEIRO ALMOÇO DE NATAL COM RAINHA ELIZABETH II

A rainha ainda tem Whisper, um corgi que ela adotou após a morte de seu dono, um ex-guarda de sua propriedade em Sandringham. Ela também tem Vulcan e Candy, que são "dorgis", uma mistura de corgi com dachshund.

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.