ESC, Taylor Swift, Hair Evolution

Gary Miller/FilmMagic

Saiba detalhes!

Taylor Swift tem participado, nesta semana, do julgamento sobre assédio sexual contra DJ David Mueller. E após alguns depoimentos, o juiz federal concluiu na noite de sexta-feira, 11, que Taylor não foi culpada pelo fato do DJ ter perdido o emprego na rádio KYGO, após as acusações de abuso.

MÃE DE TAYLOR SWIFT CHORA EM JULGAMENTO DA FILHA SOBRE ASSÉDIO SEXUAL

De acordo com o E! News, o juiz concluiu que não havia provas e testemunhas suficientes para culpar a cantora. Mueller estava pedindo US$ 3 milhões em danos para Taylor, que não deve mais pagar esse valor para ele. Na próxima semana, o juiz vai decidir as acusações de Taylor sobre assédio sexual.

TAYLOR SWIFT ADMITE EM JULGAMENTO: "ELE PEGOU MEU BUMBUM POR BAIXO DA SAIA"

Em depoimento, Taylor contou que o DJ pegou no seu bumbum por baixo da sua saia e que "foi uma apalpada muito longa". Ambas as partes receberão, em média, 60 minutos para as declarações de encerramento. Por enquanto, a cantora não se manifestou sobre o caso publicamente.

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.