Karol Conka, Instagram

Reprodução/Instagram

Triste!

Karol Conka continua sob os holofotes! Após lançar o clipe da música Maracutaia, Karol deu uma entrevista para um programa da TV paga no qual falou sobre o racismo que sofreu durante a sua infância, dentro de sua escola. Muito triste!

KAROL CONKA FAZ REFERÊNCIA À VÁRIAS DIVAS POP NO CLIPE É O PODER

"Meus pais me viram tentando ‘descolorir' a pele com água sanitária", disse a cantora. Segundo ela, tanto os professores quanto os alunos de sua escola faziam comentários racistas contra ela. A rapper também afirmou que este foi o mesmo motivo pelo qual seu pai e sua tia decidiram sair da escola.

ATRIZ JULIANA ALVES É ALVO DE RACISMO NAS REDES SOCIAIS

"A professora zombava do meu cabelo e falava que eu era amaldiçoada por ser negra", comentou Karol. "E não era só uma professora, eram vários", continuou. Assista ao vídeo:

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.