Música de Christina Aguilera é usada como tortura pela CIA

Música de Christina Aguilera é usada como tortura pela CIA

por Guilherme Della Negra 01 jul, 2016 18:25Tags
Christina AguileraInstagram

Mas gente!

Christina Aguilera continua sob os holofotes! Após ela fazer uma performance emocionante da música Change, foi afirmado pelo jornal New Yorker que as canções de Christina são usadas para torturas pela CIA (Agência Central de Inteligência). Como assim?

CHRISTINA AGUILERA MUDA VISUAL E VIRA RUIVA

Segundo o artigo, Mohammed al-Qahtani, que tentou entrar nos Estados Unidos para participar do atentado de 11 de novembro de 2001, era impedido de dormir ouvindo músicas de Christina continuamente. Ele só era liberado quando dava alguma informação. "Aguilera foi escolhida porque cantoras mulheres ofendiam os detidos do Islã", foi afirmado na publicação. "As playlists de interrogação também tinham heavy-metal e rap, que tinham mensagens de destruição e intimidação", continuou.

ARIANA GRANDE E CHRISTINA AGUILERA FAZEM DUETO NA FINAL DO THE VOICE

Músicas normalmente são usadas em torturas por que são difíceis de ignorar, afinal, você não pode tampar os ouvidos com a mesma facilidade que tampa os olhos e é muito mais fácil dominar um ambiente com sons do que com imagens. O gênero também influencia bastante, já que as canções eram escolhidas de acordo com o estilo musical que o interrogado menos gostava.

Enquanto isso, nós ouvimos Christina Aguilera no volume máximo para dançar até o chão.

Reprodução/Tumblr