Selena Gomez

Sam Sharma, PacificCoastNews.com

Entenda o caso

Nessa quarta-feira, 6, Selena Gomez passou uma saia justa enquanto apresentava um desfile de moda da Adidas, em Nova York. A ex-namorada de Justin Bieber foi alvo de manifestantes que protestavam contra a empresa por supostamente escravizarem funcionários.

 Os manifestantes seguravam cartazes dizendo: "Selena não seja embaixadora de uma fábrica escravizadora americana" e "Exploração não é coisa boa", dentre outras mensagens. Alguns entraram no desfile e distribuíram panfletos informando as pessoas sofre o protesto.

Leve o E! no seu bolso! Baixe o aplicativo do E! Online Brasil na Apple Store, Google Play ou Blackberry App World

Cerca de 10 pessoas não autorizadas tentaram entrar no evento com os cartazes, mas foram contidos pelos seguranças do local. O manifesto ainda afirma que a empresa, além de escravizar funcionários, não tem nenhuma responsabilidade real sobre suas fábricas na Indonésia, que fechou deixando 2800 desempregados na rua.

LEIA MAIS: Suposto affair de Robert Pattinson elogia astro na cama

Apesar de toda  polêmica, Selena se manteve por fora da discussão e logo após o desfile tuitou: "Ótimo show para @adidasNEOLabel hoje a noite!!! Eles estavam maravilhosos. #NEOrunway :)".

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.