Bruce Willis, Emma Hemming

Courtesy of Eric Weiss

Ator estaria insatisfeito com os termos de contrato da empresa

Tudo que vai, um dia volta... E depois do processo da Apple contra a Samsung, parece que a empresa de Steve Jobs vai ter que enfrentar alguém mais Duro de Matar.

Segundo o Daily Mail, Bruce Willis estaria movendo uma ação legal contra a Apple por estar infeliz com os termos de contrato do iTunes Store que não permitem que ele deixe sua extensa biblioteca digital de herança para os filhos.

Segundo especialistas, isso acontece porque a licença dá aos usuários o direito de baixar e ouvir ou assistir o conteúdo, mas sem ser realmente donos dele.

Os relatos dizem que Willis tem milhares de horas em música, incluindo algumas próprias do álbum do ator, The Return of Bruno, que ele esperava poder deixar para Rumer, Scout e Tallulah.

Mas, de acordo com a mulher do ator, tudo isso é mentira.

Quando um usuário disse a Emma Hemming-Willis através do Twitter que Bruce poderia apenas deixar seu login e senha da conta do iTunes para as filhas, Emma respondeu "Não é uma história verdadeira".

E enquanto Bruce não entrará em guerra com a Apple, o rumor vai incentivar os usuários a prestar mais atenção nos termos de contrato, que já foi até satirizado pelo South Park há algumas temporadas.

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.