Jennifer Lopez

James Devaney/WireImage

E nós, que sofremos com o trânsito, nos perguntamos por que mais celebridades não têm motoristas.

De acordo com documentos obtidos pelo E! News, Jennifer Lopez processou seu antigo motorista por extorsão e difamação, afirmando que Hakob Manoukian ameaçou contar informações "destrutivas e potencialmente prejudiciais" sobre ela a menos que ela o desse US$2,8 milhões.

E talvez J.Lo esteja confundindo seu motorista com o American Idol, afinal está pedindo pelo menos US$20 milhões por danos morais.

A cantor alega que um advogado representando Manoukian – que processou Lopez, seu empresário, Benny Medina, e Marc Anthony por quebra de contrato em abril – pediu a quantia para não falar sobre questões "sensíveis e pessoais" que soube enquanto trabalhava para ela.

De acordo com os documentos, Manoukian assinou um termo de confidencialidade que o proibia de falar sobre qualquer coisa sobre a vida de Lopez e sua família.

A cantora também nega as acusações de que não o pagou o salário integral e que Medina o tratou mal.

Lopez afirma que Manoukian e Medina, tiveram uma briga no ano passado quando o empresário quis contratar um segurança que não foi o recomendado pelo motorista, que ficou "hostil e irritado" com a situação e conspirou contra eles. E, depois disso, se demitiu e começou a ameaçá-la.

Além dos US$20 milhões, J.Lo também está pedindo indenizações exemplares e punitivas e uma medida cautelar que impeça Manoukian de importuná-la judicialmente.

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.