Dexter

Randy Tepper/Showtime

"Eu nunca diria nunca".

Isso é o que o astro de Dexter, Michael C. Hall disse sobre a possibilidade da série do assassino em série ganhar mais uma temporada, e não acabar na oitava como está previsto.

Depois que o chefe da Showtime disse que os "planos podem mudar", Hall só reforçou o que foi dito.

 "É difícil imaginar que vá além disso, mas você sabe, terminamos de filmar a primeira temporada e eu pensei, ‘nós deveríamos parar agora'", disse o ator, "Eu nunca diria nunca, mas o senso é que estamos indo em direção a um final definitivo".

É claro, o personagem Dexter Morgan "nunca esteve metido em um problema tão grande quanto este de agora", disse o ator sobre o final surpreendente da sexta temporada, em que a irmã de Dexter, Deb (Jennifer Capenter) descobre o segredo do irmão.

"Eu estava ansiosa por isso e também aterrorizada por isso", disse Jennifer, "Acho que toda ansiedade que estou sentindo como atriz é como Deb deve estar. Eu não queria que ela perdesse sua integridade com a audiência e os autores fizeram um grande trabalho".

"A descoberta dela faz o final parecer mais palpável e iminente", continuou Michael, "O plano é fazer esta temporada e depois a oitava e tentar contar a história da negociação dos dois resolvendo o relacionamento neste novo panorama".

E para quem não aguenta de curiosidade até a chegada da sétima temporada da série, que estreia em 30 de setembro nos Estados Unidos, o produtor executivo de Dexter tem um lembrete.

"Dexter é um assassino em série", disse Scott Buck, "A ideia [de matar Deb] passaria naturalmente por sua cabeça como o jeito mais fácil de resolver o problema".

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.