Lady Gaga

Blue Wasp/Grey Wasp/Splash News

Isso sim é o que chamamos de "morrer" de vontade de ouvir uma música.

Durante seu show em Melbourne na noite de terça-feira, a Mother Monster estreou uma canção, que sem um pingo de dúvidas, é a mais profunda e dramática de todo o seu acervo.

(Clique em saiba mais para conferir a música)

"Eu escrevi um tempo atrás e nunca foi tocada antes para ninguém", disse ela à plateia. "Essa música é um pouco triste. Mas é sobre alguns dos mais profundos e pessoais pensamentos que já tive. Ela (a música) se chama Princess Die, M-O-R-R-A", contou ela momentos antes de cantar.

Acompanhando a música tocando apenas o piano, Gaga começou os primeiros trechos (em inglês)

"Leave the coffin open when I go/And leave my pearls and lipstick on so everybody knows/Pretty will be the photograph I leave/Laying down on famous knives so everybody sees," Gaga sang, adding such verses as "I wish that I was strong/I wish that I was wrong/I wish that I could cope, but I took pills and left a note".

Lógico que um pouco de indecência e polêmica tinha que fazer parte e assim Gaga cantou para a multidão, "Eu faria para piscina para todo mundo ver".

A cantora também revelou que ainda não sabe se esta música fará parte de seu próximo álbum e ressaltou que Princess Die "não reflete o resto das músicas" de seu próximo CD.

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.