Zayn Malik

EFE

Zayn Malik, da One Direction, nascido no Reino Unido, de origem paquistanesa, recebeu duras críticas por parte de uma americana conservadora, Debbie Schlussel, que alegou que o artista tenta persuadir suas fãs adolescentes a adotarem a religião muçulmana.

"Ele não só tem falado publicamente da sua intenção de jejuar durante o Ramadã, como também tenta doutrinar suas fãs na idéia de que Alá é o único deus e Maomé seu profeta", escreveu a comentarista política em seu blog.

Schlussel garante que Zayn Malik mensagens jihadistas de forma dissimulada através das canções e a imagem doce do grupo, que exerce grande influência no comportamento de seu público mais jovem.

"Você não deve esperar esse tipo de comportamento de uma banda que vende música agitada e que se apresenta como um grupo de garotos descolados. As crianças não se dão conta do quão prejudicial é a mensagem que escutam nas músicas, com Zayn tentando convertê-los em islamitas".

E o que acham disso? Nós achamos um baita exagero. 

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.