Madonna, Joe Francis

Dave Hogan/Getty Images; Jeff Kravitz/FilmMagic

Joe Francis e Madonna estão suavizando a relação.

Anteriormente, o magnata de Girls Gone Wild havia avisado a cantora em uma carta de cessar e desistir para que ela não cantasse seu novo single homônimo durante o show do intervalo do Super Bowl. E então ela não cantou...

Mas e então chegou o grande dia.

Na tarde de ontem, 27, Madonna lançou seu single do álbum que está por vir MDNA (ouça após o pulo), e agora, o que será que vai acontecer?

Parece que as coisas estão começando a se acertar. E as duas partes já chegaram a um acordo: Madonna e sua gravadora, a Interscope, concordaram em tirar o "S" do título e da letra da música.

Francis contou ao E! News que seus advogados estiveram trabalhando com os representantes de Madonna o dia todo, e que a mudança de Girls Gone Wild para Girl Gone Wild foi a "solução imediata para evitar qualquer medida cautelar".

"Claramente sua gravadora estava tentando evitar que ações legais fossem tomadas em torno da música", disse Francis em um comunicado, "Mas isso ainda é uma infração já que a lei está envolvida, e nós estamos em contato com os representantes de Madonna em um esforço para resolver essa questão".

Então o caso ainda não foi totalmente encerrado, mas a música já foi lançada  e o título mudado, assim todo mundo meio que fica satisfeito, certo?! Veremos...

De qualquer forma, ambos concordam em uma coisa.

"Nós somos fãs da Madonna e existem muitos fãs dela que são fãs de Girls Gone Wild", foi o que ele nos disse.

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.