Lindsay Lohan

Toby Canham/Getty Images

Mesmo quando Lindsay Lohan fica longe de problemas, eles parecem encontrá-la.

A ação de hoje contra a estrela é de uma mulher que afirma que Lohan a atropelou durante uma gravação em West Hollywood.

Isso há cerca de 17 meses atrás, só para o registro, e não é a ação que ela estaria enfrentando pelo suposto atropelamento do paparazzo Grigor Balyan.

"Até onde eu sei, nem Lindsay nem seus advogados receberam uma ação judicial", disse seu representante Steven Honig ao E! News. "Então, realmente nós não podemos comentar sobre algo que não tenha acontecido".

Ele ainda acrescentou, "As pessoas gostam de falar sobre os processos judiciais para a imprensa antes mesmo de algum documento chegar até Lindsay".

Na ação judicial, Nubia Del Carmen afirmou que Lohan estava dirigindo um Maserati alugado quando ela entrou em uma avenida em alta velocidade e a atropelou quando atravessava a rua.

Carmem está exigindo indenização para cobrir "sérios danos pessoais, dor, sofrimento e angústia, despesas médicas, perda de salários e possíveis prejuízos futuros devido à sua incapacidade de trabalhar".

A audiência está prevista para o dia 14 de maio deste ano. Mais uma para a coleção de Lindsay.

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.