Brittany Murphy

Dave M. Bennett/Getty Images

Os resultados das análises conduzidas no corpo da atriz Brittany Murphy deixaram seu pai Angelo Bertolotti insatisfeito.

Em uma tentativa de reabrir a investigação sobre a morte de sua filha, Bertolotti apresentou uma petição contra o médico legista de Los Angeles e ao departamento de polícia da cidade.

Em dezembro de 2009, a autópsia revelou que Brittany morreu de pneumonia, anemia e pelo uso excessivo de drogas. Cinco meses depois, seu marido Monjak Simon também morreu de pneumonia e anemia.

Brittany Murphy, Headstone

Matt Symons /James Breeden, PacificCoastNews.com

"Anos depois da morte prematura de minha filha, ainda não fizeram os testes toxicológicos em seu cabelo. Tanto o legista quanto a policia de Los Angeles admitiram que esses testes não foram realizados ",  declarou Bertolotti.

Por não estar satisfeito com a atitude das autoridades, o pai de Brittany pediu a justiça que deixassem os testes por sua própria conta. "Eles estavam prestes a destruir o cabelo e as roupas de Brittany, eu tive que pagar para preservá-los. Não vou descansar até que a morte de minha filha seja devidamente investigada. O caso merece mais do que um simples olhar", disse ele seriamente.

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.