Angelina Jolie

Jamie McCarthy/WireImage

Bom, não demorou tanto assim.

Há alguns dias, a integridade artística de Angelina Jolie foi posta em questão quando um jornalista croata entrou com um processo contra a estrela dos cinemas, afirmando que ela havia plagiado seu livro em seu filme de estreia como diretora, In the Land of Blood and Honey.

E agora, a atriz respondeu a acusação. Então, o que ela tem a dizer?

Acontece que, para começar, a melhor defesa é sempre estar acima das disputas.

Em uma entrevista ao Los Angeles Times, Jolie esclareceu o processo e a alegação que ela teria copiado o enredo.

"Isso é equivalente ao andamento", disse ela, "Acontece em quase todos os filmes".

E enquanto Angelina reconhece que usou uma grande quantidade de matéria-prima para o filme, o livro de James Braddock, The Subject Work – ao contrário do que o jornalista afirma – não está entre elas.

"Há muitos livros e documentários de onde eu extraí coisas", disse ela ao jornal, "É uma combinação de histórias de muitas pessoas. Mas aquele livro em particular eu nunca vi".

Esqueça o que foi dito sobre estar acima das disputas...

A melhor defesa é saber que você não está errada.

  • Share
  • Tweet
  • Share

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.