Mais recentes

Cinco suspeitos são presos por roubo dos cães de Lady Gaga

A polícia de Los Angeles deu mais atualizações sobre o crime que ocorreu no dia 24 de fevereiro. Veja os detalhes.

por Kaitlin Reilly | Traduzido Por Miriam Kaibara | 30 abr, 2021 15:39Tags
Recomendado para você: Cinco suspeitos são presos por roubo dos cães de Lady Gaga

Meses após os cachorros de Lady Gaga serem roubados, a polícia de Los Angeles traz atualizações sobre o crime. No dia 24 de fevereiro, Ryan Fischer, o passeador dos cães de Gaga, foi baleado e os dois buldogues franceses da estrela, Gustav e Koji, levados pelos criminosos.

Em anúncio à imprensa, a polícia de Los Angeles revela que cinco pessoas foram presas por conexão com o crime. São elas: James Jackson, de 18 anos; Jaylin White, de 19 anos; Lafayette Whaley, de 27 anos; Harold White, de 40 anos; e Jennifer McBride, de 50 anos.  

No entanto, horas após o Departamento de Polícia de Los Angeles anunciar a prisão dos cinco indivíduos, um porta-voz do Gabinete do Promotor Público de Los Angeles disse ao E! News, que cada suspeito se declarou inocente das acusações.

Nessa quinta-feira, 29 de abril, Jackson, Jaylin White e Whaley foram acusados de tentativa de homicídio, conspiração para cometer roubo e roubo de segundo grau. Harold White, que é o pai de Jaylin, e McBride foram acusados de auxiliar na tentativa de homicídio.

Além disso, Jackson foi acusado de agressão com arma de fogo semiautomática e de portar arma de fogo escondida em um veículo. Cada um está detido sob fiança de US$1 milhão, de acordo com documentos vistos pelo E! News.

leia também
Cachorros de Lady Gaga são recuperados dois dias após roubo

Harold e McBride são considerados "auxiliares após o crime inicial", diz o comunicado de imprensa da polícia. Autoridades alegam que McBride respondeu ao aviso de recompensa de US$500 mil e, por fim, trouxe os cães para a Estação Olímpica no dia 26 de fevereiro. Os investigadores afirmaram que descobriram que McBride "tinha um relacionamento com o pai de um dos suspeitos, Harold White".

De acordo com a polícia, os cães não foram visados em conexão com Gaga. "As evidências sugerem que os suspeitos sabiam do grande valor da raça de cães e foi a motivação para o roubo", afirma a polícia.

Axelle/Bauer-Griffin/FilmMagic

As autoridades identificaram Jackson, Jaylin White, Harold White e Whaley como "membros de gangue documentados de Los Angeles".

"Este foi um crime de rua descarado que deixou um homem gravemente ferido", disse o promotor George Gascón na nota. "Alegamos acusações muito sérias neste caso e temos fé que a justiça será servida de maneira apropriada à medida que o caso se desenrolar no tribunal".

Após o ataque, a família do passeador divulgou um comunicado sobre a recuperação do filho.

"Ryan está recebendo cuidados extraordinários no hospital agora e seus médicos esperam que ele se recupere totalmente", disse a família Fischer ao E! News, na época. "Não conseguimos dizer o bastante para agradecer a todos os primeiros atendentes, enfermeiras e médicos que trabalharam tão incansavelmente para cuidar de Ryan".

A cantora de "Born This Way" inicialmente ofereceu uma recompensa pelo retorno seguro de seus pets.

"Meus amados cachorros Koji e Gustav foram levados em Hollywood duas noites atrás", escreveu ela no Instagram. "Meu coração está doente e estou orando para que minha família fique inteira novamente com um ato de bondade. Vou pagar $ 500 mil por seu retorno seguro. Ou, se você os comprou ou encontrou sem saber, a recompensa é a mesma. Eu continuo a amar você Ryan Fischer, você arriscou sua vida para lutar por nossa família. Você é um herói para sempre".

Instagram

Os Grammys Mais Memoráveis ​​de Lady Gaga

2010
2010
2010
2011
2012
2015
2016
2016
2017
2018
2018