Príncipe Charles quebra o silêncio sobre a morte de seu pai, Príncipe Philip

O pai de William e Harry falou sobre o falecimento do Duque de Edimburgo, em uma mensagem emocionante.

por Kaitlin Reilly | Traduzido Por Sally Borges | 10 abr, 2021 19:31Tags
Prince Charles, Prince Philip tributeClarence House/Instagram

Príncipe Charles quebrou o silêncio sobre a morte de seu pai, Príncipe Philip, que morreu aos 99 anos devido a recentes problemas de saúde. Em coletiva de imprensa, compartilhada neste sábado, 10, no Instagram, Príncipe Charles falou sobre a perde de seu "papai".

"Eu particularmente queria dizer isso, meu pai, que suponho que nos últimos 70 anos, prestou o serviço mais notável e dedicado à Rainha, à minha família e aos país, mas também a toda a Comunidade", iniciou ele. "Como vocês podem imaginar, minha família e eu sentimos enormemente a falta do meu pai".

"Ele era uma figura muito amada e apreciada. E apesar de qualquer coisa, eu posso imaginar, ele ficaria tão profundamente comovido com o número de outras pessoas aqui e em outros lugares da comunidade que compartilham da nossa perda e tristeza".

"Meu querido papai era uma pessoa muito especial que, creio eu, acima de tudo, teria ficado maravilhado com a reação e as coisas comoventes que foram ditas sobre ele. Desse ponto de vista, somos, minha família, profundamente gratos por tudo isso. Isso vai nos sustentar nesta particular perda e neste momento particularmente triste", finalizou Charles.

leia também
Príncipe Philip disse que "não tinha desejo" de chegar aos 100 anos

O Palácio de Buckingham confirmou a morte do Príncipe Philip na sexta-feira, 9.

"É com profunda tristeza que Sua Majestade, a Rainha, anunciou a morte de seu amado marido, Sua Alteza Real, o Príncipe Philip, Duque de Edimburgo. Sua Alteza Real faleceu pacificamente esta manhã no Castelo de Windsor. A Família Real se junta a pessoas ao redor do mundo em luto por sua perda".

Mark Cuthbert/UK Press via Getty Images

O Duque de Edimburgo, que serviu no exército por mais de uma década, começando em 1939, foi homenageado com saudações de arma de fogo. Neste sábado, 10, militares do Reino Unido começaram a disparar 41 tiros, com um por minuto, para homenagear Philip.

A Família Real se reunirá para homenagear Príncipe Philip, incluindo com a presença de Harry, que deixou seus deveres reais no ano passado e que participará do funeral.