Última Hora

Príncipe Philip, marido de Rainha Elizabeth II, morre aos 99 anos

O duque de Edimburgo era pai do príncipe Charles e avô de príncipe William e príncipe Harry.

por Corinne Heller | Traduzido Por Miriam Kaibara | 09 abr, 2021 13:24Tags
Recomendado para você: Príncipe Philip, marido de Rainha Elizabeth II, morre aos 99 anos

Príncipe Philip, do Reino Unido, morreu aos 99 anos. Philip, o Duque de Edimbirgo, deixa sua esposa Rainha Elizabeth II, seus filhos Príncipe Charles, Príncipe Andrew, Príncipe Edward e Princesa Anne, oito netos, incluindo Príncipe William e Príncipe Harry e nove bisnetos.

A família real anunciou seu falecimento nesta sexta-feira, 9 de abril. "É com profunda tristeza que Sua Majestade a Rainha anunciou a morte de seu amado marido, Sua Alteza Real o Príncipe Philip, Duque de Edimburgo", dizia o comunicado. "Sua Alteza Real faleceu pacificamente esta manhã no Castelo de Windsor. A Família Real se junta com as pessoas ao redor do mundo em luto por sua perda".

Philip foi hospitalizado em Londres semanas antes de sua morte. Ele foi internado no dia 16 de fevereiro após se sentir mal e tratou uma infecção. Na quarta-feira, 4 de março, ele foi submetido a um procedimento para uma doença cardíaca pré-existente.

O duque, quinto filho do Príncipe André da Grécia e Dinamarca e da Princesa Alice de Battenberg e da Grécia, nasceu Philip da Grécia e Dinamarca no dia 10 de junho de 1921 em uma mesa de jantar na ilha grega de Corfu, segundo a Reuters. Seus pais foram para o exílio quando ele tinha 18 meses. Ele foi educado no Reino Unido, onde se naturalizou cidadão britânico.

Philip é primo de terceiro grau de sua esposa - ele é descendente da tataravó da rainha, a rainha Vitória - e foi o cônjuge mais antigo de qualquer monarca britânico.

leia também
Príncipe Philip é visto deixando hospital após 28 dias

Philip e Elizabeth se casaram em 1947, cinco anos antes de ela se tornar rainha. Seu casamento e vida familiar real são retratados na série dramática ganhadora do Emmy da Netflix, The Crown, estrelada por Matt Smith e, posteriormente, Tobias Menzies como o duque.

Chris Jackson/Getty Images

Philip foi hospitalizado várias vezes na última década. Em 2012, ele sofreu uma infecção na bexiga. Já em 2017, um mês após anunciar sua aposentadoria dos deveres reais, o duque foi internado no hospital para tratar uma infecção "decorrente de uma condição pré-existente". Em 2018, ele foi submetido a uma cirurgia de substituição do quadril.

ADRIAN DENNIS/AFP/Getty Images

Em janeiro de 2019, Philip se envolveu em um acidente de carro. Ele bateu seu Land Rover em outro veículo carregando duas mulheres e um bebê. Ninguém ficou ferido, exceto um passageiro adulto, que quebrou o braço, e o motorista, que sofreu cortes no joelho, informou a CNN.

A agência confirmou que Philip escreveu mais tarde ao passageiro ferido uma carta de desculpas, citando como "o sol estava brilhando baixo sobre a estrada principal ", o que tornava difícil para ele ver o tráfego entrando. Ele escreveu: "Fiquei um tanto abalado após o acidente, mas fiquei muito aliviado por nenhum de vocês ter se ferido gravemente. Desde então, soube que você quebrou o braço. Lamento profundamente por esta lesão".

No final de 2019, Philip foi hospitalizado para "observação e tratamento em relação a uma condição pré-existente".

O duque apareceu com moderação em público após sua aposentadoria em 2017. Em março de 2020, ele e a rainha se mudaram de sua casa principal, o Palácio de Buckingham, em Londres, para o Castelo de Windsor, uma de suas outras residências reais, nos arredores da capital do Reino Unido, enquanto o país implementava protocolos de distanciamento social no início do pandemia do coronavírus.

Em julho de 2020, Philip fez uma rara e última aparição pública em uma cerimônia militar no Castelo de Windsor. Também naquele mês, ele e a rainha compareceram ao casamento particular de sua neta, a princesa Beatriz, com Edoardo Mapelli Mozzi.

Em novembro passado, o Palácio de Buckingham divulgou a última foto oficial do duque, no qual ele e a rainha olhavam para um cartão do 73º aniversário de casamento dado a eles pelos filhos de William e sua esposa Kate Middleton, o príncipe Georgeprincesa Charlotte e príncipe Louis, enquanto estavam sentados na Oak Room, no Castelo de Windsor.