Caio se revolta e Fiuk chora após assistir documentário de Britney Spears

Brothers assistiram a produção no cinema do líder, no BBB21, nesta segunda-feira, 22. Confira!

por Miriam Kaibara 22 mar, 2021 17:51Tags
Recomendado para você: Caio se revolta e Fiuk chora após assistir documentário de Britney Spears

Caio Afiune se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter após o Cinema do Líder, no BBB21, nesta segunda-feira, 22. Além de CaioGilberto Nogueira também escolheu Sarah e Fiuk para a sessão pipoca, onde eles assistiram ao novo documentário de Britney Spears

Framing Britney Spears: A Vida de uma Estrela mostra a trajetória da estrela, incluindo a pressão que sofreu da mídia por muitos anos e a batalha por sua tutela com o pai na Justiça.

Enquanto Fiuk chorou, Caio ficou revoltado com a história da cantora. "São 48 milhões dentro de um ano. Aí se passaram 12 anos da tutela. Ela tem sessenta? Tá errado. Ela vendeu 16 milhões de cópias de um disco. E olha que ela não pode por a mão em nada", disse o fazendeiro.

leia também
Os momentos absurdos da entrevista de Britney Spears à Diane Sawyer em 2003

"Eu não consigo nem falar no assunto", comentou Fiuk enxugando suas lágrimas. 

"Dá raiva de assistir um negócio desses", disse Sarah.

"Eles destruíram ela. E pra você ver como isso é importante, porque muita gente não sabe da história e mete o pau", diz Caio. "Critica, xinga, humilha, fala o que não sabe. Culpa a menina ainda. Aí a menina surta mesmo!"

Em seguida, ele comenta trecho em que o pai de Britney, Jamie Spears, toma o celular da mão da filha. "Deixa eu segurar meu celular, ué? Nem isso podia". 

 

leia também
Pai de Britney Spears diz que "adoraria ver filha não precisar de uma tutela"

Caio então relfetiu sobre a difícil vida da cantora: "Imagina quanta coisa não tem por trás disso aí. Não é tudo que eles podem mostrar. Ela tem que dar permissão também. Quanto coisa essa menina não passou, quanta pressão a família dela deve ter feito".

"No dia que ela assinou a tutela, passou 8 dias eles conseguiram liberar para ver os filhos. Imagina como não estava a cabeça dela. Ou você assina ou não deixo você ver seus filhos".