Maju Coutinho diz que "o choro é livre" ao defender lockdown e revolta web

A jornalista se tornou assunto nas redes sociais após opinar sobre as restrições sanitárias contra a Covid-19.

por Sally Borges 17 mar, 2021 22:50Tags
Recomendado para você: Maju Coutinho diz que "o choro é livre" ao defender lockdown e revolta web

Maju Coutinho se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter desta quarta-feira, 17. Maju fez uma declaração no Jornal Hoje, da Globo, sobre as restrições sanitárias contra a Covid-19 e foi duramente criticada.

Ao comentar as "medidas indispensáveis" para conter a circulação do vírus no país, a jornalista deu sua opinião ao vivo.

"Os especialistas são unânimes em dizer que essas são medidas indispensáveis agora para conter a circulação do vírus. O choro é livre, não dá para a gente reclamar, é isso que tem", disse ela.

Muitos internautas, claramente, se revoltaram na rede social, deixando os termos "o choro é livre", "Maju Coutinho", "#GloboLixo" e "#CalaABocaMajuHipocrita" entre os mais citados até o fechamento desta nota.

leia também
Globo se desculpa após dar espaço a empresário que foi racista com Maju Coutinho

Alguns criticaram a falta de sensibilidade de Maju com quem passa dificuldades financeiras devido à pandemia e àqueles que precisam trabalhar fora de casa. 

"Maju Coutinho escancara todo seu desprezo e indiferença com os pais de família mais humildes que nem sequer conseguem colocar comida na mesa de seus filhos com sua frase ‘o choro é livre", disse o internauta Cesar Andrade.

"Queria saber se a Maju Coutinho sabe que nem todo mundo sai de casa porque quer. Nem todo mundo vai pra balada quando está na rua depois da meia-noite. Que tem motorista de ônibus, frentista, médico que precisa estar na rua, mesmo na pandemia!", mandou Mariana Maia rede social.

A assessoria de imprensa da Globo se manifestou sobre as falas de Maju.

"Maria Julia Coutinho quis dizer ontem que, por amargas que sejam, as medidas de isolamento social são necessárias. Sobre a dor daqueles que precisam manter seus negócios fechados, assunto abordado no JH de hoje, Maria Julia Coutinho disse ao final da reportagem ‘Desejo também agilidade do governo e do Congresso para atender os empresários e também as famílias que estão aguardando auxílio emergencial'", informou ao UOL.

Veja abaixo mais reações no Twitter: