Meghan e Harry recebem apoio de instituições nas quais eram patronos

O casal anunciou nesta sexta-feira, 19, que não irá mais trabalhar como membros da família real.

por Elyse Dupre | Traduzido Por Miriam Kaibara | 19 fev, 2021 18:50Tags
Recomendado para você: Meghan e Harry recebem apoio de instituições nas quais eram patronos

Príncipe Harry e Meghan Markle, que renunciaram a todos os seus cargos na realeza, receberam um carinho especial. Diversas intituições nas quais Harry e Meghan eram patronos, enviaram seu apoio ao casal após o anúncio nesta sexta-feira, 19.

A Queen's Commonwealth Trust agradeceu aos dois—que atuaram como presidente e vice-presidente, respectivamente—por seu apoio e compromisso com a equipe.

"Nós tivemos muita sorte de ter contado com forte apoio e encorajamento do Duque e da Duquesa de Sussex em nossos anos de formação", diz o comunicado. "Eles nos permitiram fazer um rápido progresso e nos ajudaram a preparar a organização para sua próxima fase. Estamos felizes por eles continuarem em nosso círculo de apoiadores".

A Rugby Football Union e a Rugby Football League também estão entre as associações que voltaram a ser de Rainha Elizabeth II. Harry trabalhou com o sindicato por anos e e foi nomeado como vice-patrono da RFU em 2010, assumindo o papel de patrono das duas intituições em 2016. 

"Gostaríamos de agradecer ao Príncipe Harry por seu tempo e compromisso com a Rugby Football Union, tanto em sua posição como patrono quanto como vice-patrono", disse a RFU em um comunicado obtido pela Sky Sports. "A RFU valorizou muito sua contribuição para promover e apoiar o jogo. Estamos ansiosos para dar as boas-vindas ao duque e à duquesa de Sussex à Twickenham em algum momento no futuro".

leia também
Meghan Markle está grávida de seu segundo filho com Príncipe Harry

Além disso, o National Theatre, do qual Meghan se tornou patrona em 2019, observou que "é muito grato pelo apoio oferecido pela Duquesa de Sussex durante o curso de sua patronagem".

"A Duquesa defendeu nosso trabalho com comunidades e jovens em todo o Reino Unido, e nossa missão de tornar o teatro acessível a todos", diz o comunicado no Twitter. "Como afirmou o Palácio de Buckingham, o processo de nomeação de um novo patrono está em andamento e será anunciado no devido tempo".

A Association of Commonwealth Universities, uma patronagem que Meghan também herdou de Sua Majestade em 2019, voltará a ser da Rainha também. Além disso, as nomeações militares honorárias detidas por Harry—incluindo associações com a Royal Marines, RAF Honington e Royal Navy Small Ships and Diving—serão devolvidas à Rainha.

Harry e Meghan ainda trabalharão com várias organizações que apoiaram no passado. Por exemplo, Meghan, que está grávida, continuará sendo patrona da Mayhew e da Smart Works Charity, e Harry continuará a servir como patrono da Sentebale e da Invictus Games Foundation.

O casal, que se afastou de seus papéis como membros seniores da família real no início de 2020, anunciou que deixa oficialmente todos os seus cargos nesta sexta-feira, 19. 

"Após conversas com o Duque, a Rainha escreveu confirmando que ao se afastar do trabalho da Família Real, não é possível continuar com as resonsabilidades e deveres inerentes a uma vida de serviço público", disse o comunicado do Palácio de Buckingham. 

"As nomeações militares honorárias e as patronagens reais detidas pelo Duque e pela Duquesa serão, portanto, devolvidos à sua Majestade, antes de serem redistribuídos entre os membros trabalhadores da Família Real. Enquanto todos estão tristes por sua decisão, o Duque e a Duquesa continuam sendo membros muito amados da família".

Meghan e Harry também compartilharam uma mensagem sobre a decisão.

"Conforme evidenciado pelo seus trabalhos no último anos, o Duque e a Duquesa de Sussex continuam comprometidos a seus deveres e serviço ao Reino Unido, e ao redor do mundo, e ofereceram seu apoio contínuo às organizações que eles representaram independentemente de sua função oficial. Nós todos podemos viver uma vida de serviço. O serviço é universal", disse um porta-voz do casal. 

 

Momentos históricos do príncipe Harry e Meghan Markle