Karol Conká, do BBB21, é processada e pode ser intimada a depor

Marca de bijuterias afirma que cantora não cumpriu o combinado em ação publicitária em outubro de 2020.

por Miriam Kaibara 27 jan, 2021 17:43Tags
Recomendado para você: Karol Conká, do BBB21, é processada e pode ser intimada a depor

Karol Conká, que revelou transfobia de Nego do Borel, no BBB21, está sendo processada por marca de bijuteria. Segundo a coluna de Leo Dias no Metrópoles, Karol pode ser intimada a depor.

Em outubro de 2020, a cantora fez uma campanha publicitária para a Shopee, e-commerce de Singapura, e segundo a ação, Karol não teria marcado a loja de uma das vendedoras, acarretando prejuízos à marca.

O processo está sendo movido por Bianka Grismino, dona da Grismino Store, que alega que a Shopee e a cantora não fizeram a menção da marca no Instagram. 

leia também
Nicole Bahls explica confusão com Karol Conká após vídeo viralizar na web

Áudios no processo revelam que uma mulher chamada Mônica, que seria uma funcionária do site, diz que Karol escolheu algumas peças da Grismino, que deveriam ser enviadas para a casa da cantora. 

Na conversa, Mônica pergunta se Bianka conseguiria um cupom de desconto para os seguidores de Conká e se há estoque dos produtos para o anúncio, além de dizer que a estrela iria adicionar o link dos produtos no publi. 

"Ela escolheu um brinco de argolas, de arame farpado. E aí eu queria saber, se você (…), como está o estoque desse produto, primeiramente. E se você conseguiria enviar esse produto para ela, como um bonificado. Então, ela mora em São Paulo, então você teria que mandar esse produto para ela. E no dia ela vai falar sobre alguns produtos da Shopee e vai ter lá um link que vai levar a esses produtos que ela vai estar divulgado".

leia também
Caio conquista web após discurso e faz Projota chorar no BBB21

A autora da ação ainda diz que Karol mentiu na postagem ao dizer que comprou as peças e que ela não deu os créditos à marca após usar slguns itens no clipe de "A Preta é Braba".

Na ação de indenização contra Conká e a Shopee, Bianka pede o valor de R$ 230 mil por danos materiais e morais.

Estrelas de reality que tiveram uma carreira musical

Paris Hilton, “Paris” (2006)

Warner Bros

Fredrik Eklund, “It Gets Better” (2017)

CAVE ENTERTAINMENT

Mike “The Situation” Sorrentino, “The Situation” (2010)

AV8 Records

Lala Kent and DJ Duffey, “Boy” (2017)

2017 LaLa Kent

Scheana Marie, “Good As Gold” (2013)

SuperBox Records

Kim Kardashian, “Jam (Turn It Up)” (2011)

2011 Kim Kardashian

Heidi Montag, “Body Language” (2010)

Pratt Productions

Kim Zolciak, “Tardy for the Party” (2008)

Ferosh Records

Gretchen Rossi, “Unbreakable” (2012)

Citrusonic Stereophonic

LuAnn D'Agostino, “Money Can’t Buy You Class” (2010)

Ultra Records, LLC

Melissa Gorga, “On Display” (2011)

AGJ Entertainment

Simon Van Kempen, “I am Real” (2011)

JSM Music

Brooke Hogan, “Undiscovered” (2006)
SoBe Entertainment
Lisa D’Amato, “Comfortably Dumb” (2014)
DBattery Productions
Jenni Pulos, “Old School Kids Beats” (2013)
2013 Jenni Pulos
 
Farrah Abraham, “My Teenage Dream Ended” (2012)
Farrah Abraham
Jo De La Rosa, “Unscripted” (2008)
Immergent