Duda Reis acusa Nego do Borel de estupro e transmissão de HPV

O site Splash, do UOL, teve acesso ao Boletim de Ocorrência da vítima e deu detalhes sobre as acusações. Veja a seguir.

por Sally Borges 14 jan, 2021 18:41Tags
Recomendado para você: Duda Reis acusa Nego do Borel de estupro e transmissão de HPV

Duda Reis denunciou Leno Maycon Viana Gomes, o Nego do Borel, na 1ª DDM - Delegacia de Defesa da Mulher –, em São Paulo. E em seu depoimento, Duda acusa Nego do Borel de ameaça, estupro de vulnerável, injúria, lesão corporal, transmissão de HPV e violência doméstica.

No Boletim de Ocorrência, do qual o Splash, do site UOL, teve acesso, a atriz de 19 anos alega que foi agredida, pela primeira vez, em 2018. O fatídico episódio aconteceu durante o Carnaval, quando o cantor teria apertado seus braços, resultando em lesões. 

Naquele mesmo ano, ainda segundo a ruiva, o ex-noivo a empurrou e a humilhou em um evento, causando mais machucados.

Como relatado nos Stories do Instagram, Duda voltou a afirmar que, em agosto de 2018, sofreu maus-tratos de Borel durante uma viagem a Portugal. Além de manter relações sexuais não consentidas enquanto estava dopada; pelo uso de medicamentos contra a ansiedade.

Segundo relato da vítima, o cantor retornava dos shows e saídas noturnas e era obrigada a se relacionar sexualmente com ele.

leia também
Duda Reis revela agressões físicas de Nego do Borel: "Dizia que ia matar minha família"

Já em outubro de 2019, ainda de acordo com o Boletim de Ocorrência, diversas violências contra ela ocorreram na casa deles.

"Em uma crise de ciúme, o autor a agrediu com pontapés na perna e arrebentou a ‘cabeçadas' a porta do local. Eram corriqueiros os danos a objetos da residência durante as crises de ciúme, e o mesmo dizia que quebraria os objetos para não ter que ‘quebrar a vítima' [sic]. Eram comuns ameaças de morte à vítima e que o mesmo dizia que bateria o veículo e se mataria. Que acelerava o veículo em direção a postes e desviava, deixando a vítima em pânico".

Na denúncia, Duda conta ainda que já foi ameaçada com uma faca, motivada também por ciúme, e de contrair uma infecção sexualmente transmissível de Borel. 

Instagram/@dudareisb

"Vítima foi traída diversas vezes pelo autor sem que soubesse, e que contraiu HPV do autor. Duda só teve um parceiro sexual antes do agressor. Ele manteve relação sexual com outras mulheres".

Por fim, o Boletim de Ocorrência informa que a atriz descobriu um fuzil e um cofre com R$ 2 milhões em espécie na residência do ex-noivo. Além disso, ela requisitou medida protetiva com base na Lei Maria da Penha.

Nego do Borel, por sua vez, registrou ocorrência contra a atriz por injúria, calúnia e difamação.