Kim Kardashian e Kanye West tentam salvar relação com aconselhamento matrimonial

Múltiplas fontes do E! News revelaram que a dupla está à procura de ajuda profissional como último recurso para salvar o casamento

por Cydney Contreras | Traduzido Por Miriam Kaibara | 06 jan, 2021 13:37Tags
Recomendado para você: Kim Kardashian e Kanye West tentam salvar relação com aconselhamento matrimonial

Kim Kardashian, que ainda não pediu divórcio oficial de Kanye West, está lutando pelo casamento. Segundo fontes do E! News, Kim e Kanye estão "tentando trabalhar as coisas" em um aconselhamento matrimonial. 

"O divórcio foi discutido, mas Kim quer mais do que tudo que a relação deles funcione", revela a fonte.

E sobre a estrela considerar a separação após 6 anos de casamento, a fonte explica que "não aconteceu nada em específico que os levaram a esse ponto".

Uma segunda fonte revelou à NBC News que Kim e Kanye estão lidando com "questões regulares de relacionamento". Já a especulação de uma possível infidelidade, a fonte ressalta, "Não há ninguém envolvido".

Além disso, várias fontes descrevem a situação como fluida, com uma terceira fonte revelando: "As conversas sobre o divórcio têm acontecido desde a primavera".

Enquanto o futuro do casal é incerto, a primeira fonte insiste que eles estão "100 por cento alinhados quando se trata dos filhos".

leia também
O motivo de Kim Kardashian não ter pedido o divórcio oficial de Kanye West

Uma fonte confirma que Kim e Kanye estão vivendo separados há alguns meses. Os quatro filhos do casal, North West, de 7 anos, Saint West, de 5 anos, Chicago West, de 2 anos, e Psalm West, de 1 ano, estão ficando com Kim e sua família em Calabasas, na Califórnia, enquanto Kanye vive em seu rancho, no Wyoming.

Instagram

E ao contrário de relatos, a fonte revela que Kanye não está em conflito com o resto da família Kardashian-Jenner, que ele "ama" e é "super próximo".

A segunda fonte ainda ressalta que Kanye não esteve presente nas festas de fim de nao, incluindo o Natal na casa de Kourtney Kardashian, devido a "outros comprometimentos de trabalho para os quais ele teve que viajar", com exceção de um dia que ele passou no Wyoming.

Uma fonte revelou ao E! News que Kim está hesitante em pedir o divórcio porque "ela quer ter certeza que está tomando a decisão certa para as crianças".

Shutterstock

"Não é mais sobre o casamento, ela sempre vai cuidar de Kanye, mas está tudo acabado entre eles. Kim está focada no que é melhor para as crianças. É uma decisão difícil para ela e ela está tentando entender", explicou a fonte.

 

Todas as vezes que Kim Kardashian apoiou Kanye West

 

Sobre a saúde mental do marido

Após uma série de tweets polêmicos do marido, em julho de 2020, Kim falou sobre a saúde de Kanye.

"Como muitos de vocês sabem, Kanye tem transtorno bipolar. Qualquer pessoa que tenha ou tenha um ente querido em sua vida sabe o quão incrivelmente complicado e doloroso é entender", começou Kim. "Eu nunca falei publicamente sobre como isso nos afetou em casa, porque sou muito protetora quanto aos nossos filhos e com o direito de Kanye à privacidade quando se trata de sua saúde. Mas hoje, sinto que devo comentar sobre isso por causa do estigma. e equívocos sobre saúde mental ".

Mais tarde, no longo post, Kim chamou Kanye de "uma pessoa brilhante, mas complicada".

Ela continuou: "... além das pressões de ser um artista e um homem negro, que experimentou a dolorosa perda de sua mãe, ele tem que lidar com a pressão e o isolamento que são aumentados por seu distúrbio bipolar. Aqueles que estão próximos de Kanye conhecem seu coração e entendem que suas palavras algumas vezes não se alinham com suas intenções. "

Ela concluiu sua declaração com um pedido de compreensão e privacidade.

Enviando recado a Rhymefest

Kim saiu em defesa de Kanye em maio de 2018, depois que o rapper Rhymefest criticou o artista de "Stronger" por supostamente abandonar a organização Donda's House.

A estrela de KUWTK escreveu: "Você não está certo desde que foi expulso do estúdio no Havaí usando Yeezys falsos. Você acabou de alavancar o nome de Kanye e pediu a Kanye que doasse dinheiro para você, então pare com sua política falsa da comunidade e mentiras. A verdade é que você não foi capaz de sustentar a fundação".

Depois de alguns outros tweets, Kim observou: "É melhor você acreditar que farei a minha missão de tirar a Donda's House de você e deixar meus filhos comandá-la da maneira que deveria ser comandada! @RHYMEFEST".

Recado para a mídia

Depois que Kanye deu o que falar com um discurso no Twitter, em abril de 2018, Kim foi até à rede social e falou sobre os comentários sobre a saúde mental de seu marido.

"Para a mídia que tenta demonizar meu marido, deixe-me dizer isso... seu comentário sobre Kanye ser errático e que seus tweets são perturbadores é realmente assustador", ela twittou. "Tão rápido em rotulá-lo como portador de problemas de saúde mental por ser ele mesmo, quando ele sempre foi expressivo não é justo".

Ela continuou: "Ontem foi anunciado que Kanye rompeu com algumas pessoas em seus negócios e meios de comunicação fizeram isso ser sobre a saúde mental de Kanye. Em vez de apenas uma simples decisão de negócios. Estou feliz que ele tenha twittado sobre o estado de sua empresa e todas as coisas emocionantes que estão acontecendo".

Protegendo a Yeezy

Depois que postagens feitas pelo Twitter não afiliado do Twitter, @theyeezymafia, espalharam informações incorretas sobre a marca de seu marido, Kim foi ao Twitter e escreveu: "Como uma conta verificada representa Yeezy com informações falsas. Você NÃO trabalha para Yeezy e NÃO é afiliada. Como você vai acredita em uma conta que publique coisas falsas".

Rebatendo críticas

Kim foi ao Twitter mais uma vez em março de 2018, depois que a marca Yeezy, de Kanye, sofreu críticas. Ela escreveu: "A 6ª temporada foi genial. Todos os meus looks no Japão são da 7ª temporada e estarão online em breve. Yeezy não joga de acordo com as regras da moda. A sala de exposições era estritamente de sapatos e sempre será destinada a isso".

Mais tarde, a estrela do KUWTK acrescentou: "YEEZY TEM SEU PRÓPRIO UNIVERSO #TEMPORADA7."

Briga com Drake

Em dezembro de 2018, Kanye alegou no Twitter que Drake o "ameaçou" por telefone e o acusou de mexer com "pessoas com problemas de saúde mental". Em apoio ao marido, Kim foi à mídia social e alertou: "@Drake Nunca ameace meu marido ou nossa família. [Kanye] abriu o caminho para que houvesse um Drake".

Poêmica no SNL

Após o discurso de Kanye sobre política no Saturday Night Live, em setembro de 2018, Kim falou sobre o assunto em entrevista ao The Messy Truth With Van Jones.

"O que você quer que eu faça? Suba no palco e cante? Tipo, o o que você quer que eu faça? Eu o ouço. Depois, talvez eu saiba que posso ajudá-lo a se comunicar um pouco melhor e, sabe, devemos trabalhar nisso. E ele diz, 'Ah, sim, mas eu já tuitei' e eu digo, 'Bom, o que você tuitou não é o que você acabou de me dizer por telefone.' Mas às vezes as pessoas não têm muito tempo para realmente ouvi-lo e ver o que ele tem a dizer. "

Expondo Taylor Swift

Em julho de 2016, Kim e Kanye estavam no meio de um drama com Taylor Swift. Na época, a cantora de "Bad Blood" negou saber que Kanye iria cantar o verso, "Eu fiz essa cadela famosa" se referindo a ela.

Em resposta, Kim postou um vídeo no Snapchat com convera entre Kanye e Taylor discutindo a letra de "Famous".

Dizendo a "famosa" verdade

Antes de soltar os áudios no Snapchat, Kim contou à GQ, em sua reportagem de capa de junho de 2016, que Taylor sabia das letras de "Famous".

"Ela aprovou totalmente isso", disse a estrela de KWUTK. "Ela sabia que isso seria lançado. Ela queria repentinamente agir como se não soubesse. Eu juro, meu marido se importa tanto com as coisas [quando] ele realmente estava fazendo o protocolo adequado e até ligou para aprovação".

Em relação a Kanye chamando a cantora de "cadela", Kim passou a defendeu o rapper. "Quero dizer, ele me chamou de cadela em suas músicas. Isso é tipo, o que eles dizem. Nenhuma vez eu pensei, 'Que palavra depreciativa! Como ele ousa?' Nem em um milhão de anos".