Fãs de Taylor Swift creem que nova música the lakes é sobre Joe Alwyn

Os admiradores acreditam que a música do álbum Folklore é sobre o atual namorado da estrela. Confira!

por Jess Cohen | Traduzido Por Sally Borges | 18 ago, 2020 16:01Tags
Recomendado para você: Fãs de Taylor Swift creem que nova música the lakes é sobre Joe Alwyn

Taylor Swift ainda está dando muito o que falar com Folklore. Nesta terça-feira, 18, Taylor disponibilizou the lakes, faixa bônus da edição de luxo do álbum, e os fãs acreditam que seja sobre Joe Alwyn.

"Leve-me aos lagos, onde todos os poetas foram morrer / Eu não pertenço e, minha amada, nem você", canta a loira. "Aqueles picos de Windermere parecem um lugar perfeito para chorar / Estou partindo, mas não sem minha musa".

Como os swifties sabem, a estrela já escreveu algumas canções para o amado, como Gorgeous e Call It What You Want. Agora, ela parece fazer referência ao ator britânico – chamando-o de sua musa – e ao Lake District, na Inglaterra, um destino turístico popular conectados a poetas, como William Wordsworth

Outro aceno para a Inglaterra é a menção dela a Windermere, conhecido como o maior lago natural da região, que também é cercado por montanhas.

leia também
Taylor Swift responde acusações de roubar logo de uma artista negra

"Eu quero auroras e prosa triste / Eu quero ver glicínias crescerem bem sobre meus pés descalços / Porque eu não me movo há anos / E eu quero você bem aqui", continua Swift. "Uma rosa vermelha cresceu de um solo congelado / Sem ninguém por perto para twittar / Enquanto eu tomo banho em piscinas à beira do penhasco / Com meu amor calamitoso e dor intransponível".

E a estrela já havia usado a comparação de flores ao escrever sobre o namoro com Alwyn, com quem ela gerou os primeiros rumores de romance em 2016.

"Todas as minhas flores cresceram novamente como espinhos / Janelas depois da tempestade / Ele acendeu uma fogueira apenas para me manter aquecida", canta ela em Call It What You Want.

Em the lakes, Taylor também parece fazer referência à sua continua batalha musical. "O que deveria estar enterrado sob a minha pele / Em ondas de dor de parar o coração", canta a musa. "Eu vim de muito longe para assistir um famosinho desprezível / Digam-me quando vale minhas palavras".

Beth Garrabrant

Em 2019, a antiga gravadora da estrela, Big Machine Records, foi vendida para Scooter Braun e, consequentemente, todos os direitos de seus álbuns.

A cantora, que agora faz parte da Republic Records e Universal Music Group, afirmou que nunca teve a oportunidade de comprar seus originais. Sob o novo selo, ela possui os álbuns Lover e Folklore.

Ouça a nova música the lakes acima!