Um novo capítulo começa!

Nessa segunda-feira, 20, Príncipe Harry chegou em Vancouver para se juntar com Meghan Markle e o seu filho, Archie Harrison, de 8 meses, marcando o começo da nova vida do casal longe da família real. Em algumas fotos da chegada dele, Harry, que veio de Londres, é visto saindo de um voo comercial e sendo acompanhado por vários seguranças até o carro.

Antes da viagem, Harry se juntou com Príncipe William e Kate Middleton para o UK-Africa investment Summit, o que pode ser seu último compromisso real. Antes do evento, a Rainha Elizabeth II revelou que a família real chegou em um acordo com o Duque e a Duquesa de Sussex sobre seus novos cargos na família.

Além de perderem seus títulos e pagarem a reforma na Frogmore Cottage, Harry e Meghan também não terão mais deveres reais. O acordo vai começar a valer em outono de 2020.

"Como foi definido no novo acordo, eles entendem que não podem ter mais compromissos reais, incluindo eventos militares", disse o Palácio de Buckingham em um comunicado. "Com a benção da Rainha, os Sussexes vão manter suas associações e seus patrocínios. Apesar deles não poderem mais representar a Rainha formalmente, eles deixaram claro que vão continuar seguindo os valores dela".

Concluindo o comunicado, a Sua Majestade deseja felicidades ao casal.

Agora que o acordo foi feito e a equipe de Frogmore Cottage foi transferida, parece que Harry e Meghan podem começar oficialmente a sua jornada de conseguir novos papéis e identidades fora da monarquia.

E vale dizer que Meghan está curtindo seus dias no Canadá. Após ela viajar para lá durante este mês, a Duquesa está planejando começar novos projetos de caridade no local. Além disso, ela também foi vista dando uma volta com o seu filho.

Ao falar sobre a decisão repentina, Harry disse: "A decisão que eu tomei de me afastar não foi fácil. Foram muitos meses de conversas e muitos anos de desafios. E eu sei que eu nem sempre fiz a coisa certa, mas não houve outra opção".

Ele adicionou: "O que eu quero deixar claro é que não estamos indo embora. Nossa esperança é continuar servindo a Rainha, a comunidade e as associações militares, mas sem o financiamento público".

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.