Os rumores de briga que estão circulando durante as férias da família real

Saiba se realmente está havendo desentendimento entre a família ou não.

por Natalie Finn | Traduzido Por Guilherme Della Negra | 19 jun, 2019 18:44Tags
Trooping the Colour 2019, Prince Louis, Prince George, Princess Charlotte, Prince William, Kate Middleton, Queen Elizabeth, MeghanVictoria Jones/PA Wire

O verão na Europa só vai começar nesta sexta-feira, 21, mas a família real já está aproveitando a época!

Porém, apesar de todos os acontecimentos bons que estão rolando com eles - como o filho de Meghan Markle e Príncipe Harry, e o aniversário da rainha - as coisas não estão indo tão bem, afinal, a família continua sendo alvo de diversos rumores.

Bom que o Palácio de Buckingham está sempre presente nas redes sociais para controlar tudo!

leia também
Príncipe Louis faz sua estreia na sacada de Buckingham com a Família Real

Recentemente, foi anunciado que a fundação dos príncipes Harry e William não vai mais ser organizada pelos dois irmãos. Eles lançaram ela em 2009 e as duquesas Kate Middleton e Meghan Markle também se juntaram.

A revista Sunday Times, do Reino Unido, diz que a separação profissional vai ser anunciada em uma reunião nesta quarta-feira, 19.

Harry e William também separaram as suas casas, com William e Kate ficando no Palácio de Kensington e Harry e Meghan transferindo seu escritório para o Palácio de Buckingham. Além disso, o duque e a duquesa de Sussex também se mudaram para a Frogmore Cottage, em Windsor.

De acordo com o jornal The Times, eles tiveram que reformar a Frogmore Cottage com paredes à prova de som, ainda mais por ela ficar perto de um aeroporto.

Paul Grover- WPA Pool/Getty Images

Vários experts no assunto afirmaram que não houve uma briga entre Harry e William para eles se separarem profissionalmente, especialmente porque Harry está com a sua própria família agora. Ele e Meghan têm suas próprias prioridades sobre as doações que querem fazer e dividem a mesma visão sobre como querem que as coisas sejam feitas.

"Seria uma mentira dizer que as coisas não ficaram tensas entre William e Harry em um certo ponto, mas eles não chegaram a brigar", disse Omid Scobie, do site Yahoo, no começo desse mês. "Eu acho que eles ficarem em casas separadas foi a melhor coisa que poderia ter acontecido. Eles podem trabalhar separadamente e se juntar para os momentos especiais em família".

leia também
Família real comemora 4 anos de Princesa Charlotte com novas fotos oficiais

Porém, historicamente toda a ênfase foi colocada em cima dos filhos de Príncipe Charles e da Princesa Diana trabalhando juntos. Já que William, Kate e Harry tinham juntado forças para programas como o Heads Together (que busca aumentar a conscientização sobre a saúde mental), a questão que fica é: porque os dois casais não conseguiram reorganizar tudo e ficar juntos? Há várias teorias fascinantes sobre o motivo disso.

Victoria Jones/PA Wire

Uma delas é que a equipe responsável pela Rainha Elizabeth II quer ficar de olho em Harry e Meghan. O duque e a duquesa de Sussex já foram proibidos de saírem por conta própria, por isso a base deles foi mudada para a casa da avó.

"A intenção é ter certeza de que o que eles fazem é coordenado com o resto da família, então você não terá um estado independente de Frogmore", disse uma fonte para o jornal Times na época.

Há quem diga que a relação de William e Harry também passou pro problemas após o irmão mais velho perguntar para o príncipe se ele "tinha certeza" de que iria se casar com Meghan em 2017. Apesar de não parecer muito ofensivo, algumas fontes afirmaram na época que o tom não foi muito educado.

leia também
Família Real faz novos retratos para celebrar aniversário de Príncipe Charles

Porém, de acordo com o The Times, o desentendimento veio bem antes, quando Harry fez "pouco caso" da família de Middleton quando ela se casou com William. Porém, vale lembrar que Harry sempre foi muito vocal sobre o quanto adora Kate.

Gareth Fuller/PA Wire

Porém, com tudo o que os irmãos passaram (incluindo a separação complicada dos pais deles), não seria mais interessante se eles estivessem se cuidando e se ajudando a não tomar decisões ruins?

"Graças aos céus eles estão em bons termos", disse um biógrafo da família real em 2014, quando Harry se tornou tio do Príncipe George. "E ao contrário de muitos irmãos, eles conseguem sair para tomar uma cerveja juntos".

"Inveja não é uma palavra no dicionário de Harry: ele nunca sente isso. Ele é incrível".

leia também
Irmão de Meghan Markle culpa a família real pela briga na família dele

Além disso, hoje em dia, a família real está sentindo a pressão de preservar a legacia deles e inspirar novos caminhos para manter a monarquia relevante para as gerações seguintes. Os mais jovens não podem deixar planos egoístas atrapalhar o caminho deles. Se eles aprenderam algo com a rainha, é sobre como jogar o jogo. Porém, fica claro que William é quem carrega o futuro da família em suas costas.

"William sempre soube que ele tem que ser o mais responsável", disse o embaixador britânico Sir David Manning. "Ele tem que estar preparado ou se preparando para tudo - mesmo se for inconscientemente. Enquanto isso, Harry pode fazer o que bem entender".

Dominic Lipinski/PA Wire

Há um rumor recente de que Harry e Megahan podem se mudar para a África para sair da rotina da família real e também ter um escritório no local, expandindo o trabalho de caridade que eles vêm fazendo no continente.

Apesar de muitas pessoas também afirmarem que isso tem a ver com a briga entre os irmãos, essa conversa já estava acontecendo antes mesmo de Harry conhecer Meghan.

"Ele está seriamente comprometido com o Sentebale [que apoia a saúde mental das crianças e os jovens que são afetados pelo HIV em Botswana e Lesoto]; Eu acho que ele realmente quer que esse seja o futuro dele, ou pelo menos uma grande parte dele. Então, se ele combinar uma fundação que ele gosta muito com um continente que ele gosta muito, talvez ele nunca se mude para lá, mas passe cada vez mais tempo no local".

leia também
Kate Middleton e príncipe Louis são só sorrisos em retrato da família real

Ainda assim, várias outras fontes afirmaram que o príncipe não vai se mudar para a África.

"O Reino Unido é a casa deles e é o local que eles querem começar a família", disse uma amiga próxima do casal para a Bazaar.com. "Se eles tiverem que trabalhar viajando, será por pouco tempo".

Ultimamente, a ITV reportou que Harry e Meghan estão planejando uma turnê oficial para passar por vários países africanos em outubro. (Eles muito provavelmente trarão o filho deles. Incluir um bebê real em uma viagem longa foi uma tradição começada por Diana, quando ela quis levar William, que tinha 8 meses, para a Austrália com ela e Charles).

theroyalfamily via Instagram

Mas antes dos pombinhos irem para qualquer lugar, Archie Harrison Mountbatten-Windsor será batizado - o que sempre é um evento que une a família. (E se não unir, isso não é um problema; a rainha perdeu o batizado de seu neto, Príncipe Louis, no ano passado porque ela tinha um outro compromisso agendado).

Assim como o nascimento de Archie, os planos de batizado estão sendo mantidos em segredo. A única coisa que se sabe é que ele acontecerá em julho. O jornal Daily Express afirmou que o evento acontecerá na Capela de São Jorge, na qual Harry e Meghan se casaram no ano passado. O local também foi onde Harry foi batizado, em 1984.

Instagram/sussexroyal

Quando Archie for batizado na igreja da Inglaterra, com 2 meses, ele vai estar vestindo a roupa de Honiton, uma réplica da que foi feita para o filho mais velho da Rainha Victoria, que já foi vestida por 62 bebês reais até agora. Incluindo Príncipe George, Louis e a Princesa Charlotte.

Harry e Meghan estiveram no batizado de Louis em julho do ano passado e com certeza a família real iria voltar a ficar sob os holofotes se William e Kate não forem no de Archie - mas eles estão com presença confirmada.

leia também
Meghan Markle pode ser primeira integrante da família real a ser indicada ao Emmy

Os dois casais se reuniram no começo desse mês para o evento Trooping the Color, que marca oficialmente o aniversário da rainha. No dia, Meghan também fez sua primeira aparição pública após trazer Archie para o mundo, apenas dois dias após ele nascer.

Kate e Meghan estavam conversando bastante enquanto andavam em uma carroça que ia em direção ao Palácio de Buckingham, disse uma fonte ao E! News. Assim que elas se juntaram, as duas ficaram se ajudando a seguir o protocolo real - como fazer a reverência na hora certa, etc.

A fonte também comentou que na semana passada a maioria dos primos de Archie (incluindo os filhos de Kate e William e as filhas de Mike Tindall) conseguiram conhecer o bebê pela primeira vez.

Shutterstock

Meghan está de licença maternidade e, apesar de Harry já ter voltado ao trabalho, ele está aceitando compromissos que só fazem com que ele saia de casa algumas horas por dia. Assim, ele pode passar a maioria de seu tempo com sua esposa e seu filho.

Há rumores de que eles contrataram uma babá, mas ela não fica em Frogmore o tempo todo. E eles provavelmente não vão contratar alguém para ajudar por alguns meses.

"A vida da família não poderia ser mais perfeita para [Harry e Meghan]", disse uma fonte próxima do casal para a Harper's Bazaar. "Desde que Archie chegou, eles não pararam de sorrir. As noites sem dormir estão valendo a pena".

E vale dizer que Meghan não deixou a maternidade tirar ela dos compromissos reais.

leia também
Liam Payne faz apresentação para a família real

"Ela trabalha sem parar", disse uma fonte recentemente para a revista People. "Ela vai trabalhar durante a sua licença maternidade. Eu conheço ela e sei que isso vai acontecer".

O jornal The Sun afirmou na semana passada que Meghan vai ser fotografada em sua casa e também vai servir como editora convidada da edição de setembro da Vogue britânica. Porém, o Palácio não comentou sobre os rumores.

Steve Parsons/PA Wire

E vale dizer que Kate Middleton não ficou para trás! Ela vai montar um jardim para o Chelsea Flower Show; aparecer no show infantil Blue Peter; jantar com o guitarrista do Rolling Stones, Ronnie Wood, para falar sobre a fundação dela Action on Addiction; comparecer no evento Order of the Garder; e escrever uma carta aberta para outra fundação que incentiva a boa saúde mental das crianças.

Kate e William também compareceram no jantar que a rainha fez para o presidente Donald Trump e para a primeira dama Melania Trump, que se desenrolou perfeitamente. Porém, no fim Trump acabou dizendo: "Eu não sabia que ela era nojenta", quando um repórter afirmou que Meghan disse que não era fã dele.

Victoria Jones/PA Wire

Isso fez com que o foco do evento mudasse totalmente (para sermos justos, ele parecia estar falando dos comentários dela, não dela como pessoa) e para alguns parecia que Harry manteve a sua distância durante o encontro, porém ele e Trump se conheceram depois e o presidente afirmou que o príncipe é um "cara incrível".

Sobre Meghan, que ele não conheceu na viagem, Trump disse em uma entrevista para o ITV: "Eu acho ela ótima. Honestamente, eu não a conheço. Ela foi nojenta comigo, mas tudo bem ela ter feito isso. Não teria sido bom se eu fosse nojento com ela e ela não".

leia também
Emissora escolhe atores da família real no filme sobre romance de Meghan Markle e Príncipe Harry

Com uma agenda cheia de compromissos e três crianças em casa, William e Kate tem que acabar planejando quando vão ficar sozinhos. Eles ficaram no hotel Inn on the Lake, em Ullswater, duas vezes na última semana para tomar um chá, o que é uma pausa muito bem-vinda dos compromissos que eles têm em Cumbria.

E vale dizwer que, apesar do duque e da duquesa de Cambridge sempre terem se mantido fora dos holofotes, eles também não conseguiram fugir das manchetes. A notícia acabou não ganhando muita repercussão, mas há rumores de que William está sendo infiel com Kate (algo que a equipe do Palácio ignorou totalmente e nem fez questão de comentar). No fim, o veículo recebeu um comunicado oficial bem sério da família real falando sobre o assunto.

Victoria Jones/PA Wire

"Kate se machuca com os rumores, obviamente, e odeia o sentimento de que um dia as crianças dela vão ler algo desse tipo online", disse um amigo da família de Middleton para a revista US Weekly. Ao mesmo tempo, a história "forçou ela e William a parar e examinar a relação deles, o que eles se tocaram que deveriam ter feito com mais frequência".

William e Kate, que estão juntos por mais de uma década, celebraram o oitavo aniversário de casamento deles no dia 29 de abril.

leia também
Príncipe Harry diz como foi primeiro Natal de Meghan Markle com a família real

"Não há problemas em ter alguns soluços durante o casamento, especialmente após oito anos. E Kate e William não são diferentes", disse outra fonte para o US Weekly. "Eles ainda estão firmes, apesar dos altos e baixos. Eles se amam muito e os filhos deles são a coisa mais importante na vida deles".

fotos
A família real celebra o Natal