Prince William, Kate Middleton, 2019 BAFTAs

Tim Ireland - WPA Pool/Getty Images

Príncipe William e Kate Middleton, que já são pais de três filhos, nem sempre foram a imagem da realeza. O romance de Kate e William começou há muito tempo atrás na época da faculdade. 

Kate foi a estudante que chamou a atenção de William, que na época tinha 19 anos. Após vê-la na passarela com um vestido preto de renda transparente em um desfile na faculdade, William não escondeu sua reação. 

"Kate é maravilhosa!", sussurrou ele para seu melhor amigo Fergus Boyd.

Kate era filha de dois milionários, Carole e Michael Middleton, cuja fortuna veio do negócio de planejamento de festas on-line, Party Pieces, que começaram em 1987. Ela tinha dois irmãos mais novos, Pippa e James, e a família vivia na aldeia Berkshire de Bucklebury.

Ela era uma atleta e uma apreciadora de arte como William. E a partir do segundo ano na Universidade de St. Andrews, ambos moravam no mesmo apartamento em uma das ruas mais bonitas do bairro, que dividiam com Fergus Boyd e outra amiga, Olivia Bleasdale.

Quando ele foi para a faculdade, ele não tinha namoradas de longa data, mas raramente estava sozinho. William geralmente estava em grupos que incluíam garotas, como quando ele entreteu cinco delas a bordo de um iate navegando pelas ilhas gregas quando tinha 17 anos. (No entanto, uma delas era sua prima, além de futura meia-irmã, e sua futura madrasta Camilla Parker-Bowles também estavam a bordo.)

Prince Harry, Prince William

UK Press via Getty Images

Entre suas amigas estavam Holly Branson, filha do multimilionário Richard Branson, e Violet von Westenholz, que mais tarde colocaria Harry em um encontro com Meghan Markle. Uma das sortudas passageiras do iate, Emilia d'Elanger, não só foi sua convidada em uma festa de tiro real, como também foi flagrada assistindo a um jogo de polo com Harry.

No verão, depois de terminar os estudos em Eton, ele disse ter se aproximado da amiga de infância Rose Farquhar.

"William e Rose tiveram um romance de verão e ela ainda se refere a ele como seu primeiro amor verdadeiro", disse um dos amigos de William e Harry a Katie Nicholl para seu livro de 2011, The Making of a Royal Romance. "Foi um verão longo e quente e William passou muito tempo em Highgrove e Rose estava sempre por perto ... Naquele verão eles perceberam que os dois realmente gostavam um do outro e foi William quem deu o primeiro passo".

"Foi um caso de amor muito doce e inocente e Rose ainda ri da vez em que foram apanhados por um fazendeiro em um campo. Eles ainda são bons amigos e se falam o tempo todo."

Prince William

Ian Jones/St. James Palace/via Getty Images

"Eu gosto de manter minha vida privada privada", disse William, aos 18 anos, que não sentou para uma entrevista formal, mas concordou em responder a perguntas de um seleto grupo de imprensa.

Perguntado como ele conseguiu ter uma vida privada em meio a toda a atenção que recebeu, particularmente das jovens, ele disse: "À minha maneira. Tentar explicar pode ser contraproducente".

William partiu para Santiago, no Chile, onde escolheu passar parte de seu ano sabático, em 1º de outubro de 2000. Kate também teve um ano sabático para viajar e também aterrissou no Chile em determinado momento.

Will e Kate se conheceram no dormitório em St. Andrews durante o primeiro ano. Kate tinha sido coroada a garota mais bonita da residência deles. William eventualmente a convidou para se juntar à sua mesa de café da manhã e eles se tornaram amigos rapidamente, unindo seus interesses compartilhados em esportes, viagens de esqui e história da arte. Eles nadavam pela manhã, faziam passeios pela cidade, e Kate se deu bem com os amigos de William. Ela ouvia de forma amável as questões dele com a história da arte e decidiu mudar seu objetivo para a geografia.

Mas ainda assim eles eram apenas amigos.

O príncipe, que estava bastante interessado em atuar, começou a namorar uma estudante de escrita criativa chamada Carly Massy-Birch, que ele conheceu no clube de teatro.

"Ela era um ótimo partido e todas as garotas de St. Andrews tinham inveja dela porque ela estava com William", disse um amigo de Carly a Nicholl. O relacionamento deles aparentemente terminou quando Carly disse a William para escolher entre ela e - não, não foi Kate, mas Arabella Musgrave, outra garota que ele conhecia desde a infância e que ele havia encontrado em uma festa no verão de 2001, antes de começar a universidade, apenas para descobrir que ela cresceu e ficou linda.

O príncipe Charles imaginou que os flertes juvenis de William iriam fracassar por conta própria, então ele havia instruído os seguranças de seu filho que Will, na maior parte do tempo, fizesse o que quisesse. O pai de Arabella, no entanto, disse aos dois para colcoarem fim no caso quando ele os viu brincando em uma partida de polo.

Eles concordaram mutuamente em romper o relacionamento quando William partiu para St. Andrews, mas ele estava com saudades de casa por algum tempo.

Prince William, Catherine, Duchess of Cambridge, Kate Middleton

Chris Jackson/Getty Images

O ponto alto da relação de Kate e William foi o desfile de moda, em março de 2002, que fez com que o príncipe visse Kate como mais do que apenas uma amiga.

Kate estava namorando o estudante do quarto ano, Rupert Finch, mas Will se aproximou dela no after-party.

"Ficou claro para nós que William estava apaixonado por Kate", um amigo que testemunhou o momento (que incluiu uma tentativa desajeitada de um beijo que visivelmente assustou Kate) lembrou a Nicholl. "Ele realmente disse a ela que ela estava linda naquela noite, o que a deixou com vergonha".

Mas Kate, não querendo ceder apenas porque o príncipe estava de repente interessado, "ficou na dela", acrescentou o amigo. "Ela não queria dar a impressão errada ou facilitar demais para Will".

Ela também não terminou imediatamente com Finch, mas no final do primeiro ano em St. Andrews, Kate e William estavam obviamente interessados um no outro. E então eles decidiram viver juntos - com outras pessoas, mas ainda assim um caso sem precedentes para um membro da família real.

Para que ninguém pense o contrário, ter um monte de namoradas ou namorar muitas garotas casualmente, era perfeitamente normal na realeza. Príncipe Charles teve diversas mulheres em sua vida, incluindo Camilla Parker-Bowles e Lady Sarah Spencer, irmã da princesa Diana, antes de se casar com Diana em 1981, após um namoro rápido.

A maior "regra" que William derrubou até hoje foi sua decisão de entrar na St. Andrews, na Escócia. O pai dele, o irmão de Charles, príncipe Edward, e o bisavô materno de Will, o rei George VI, tinha ido a Cambridge. Quando a matrícula do príncipe foi confirmada em 2001, os pedidos aumentaram em 44%, e oito dos 10 alunos matriculados em seu primeiro curso de história da arte eram mulheres.

Quaisquer que fossem suas diferenças, Charles e Diana concordaram em querer que William e Harry vivessem plenamente, o mais próximo possível de um vida normal. Um segurança sempre ocupava uma sala próxima quando os meninos estavam na escola, mas o colégio privado de William durante seu segundo ano era algo novo. Na verdade, William insistiu em ter permissão para morar fora do campus no segundo ano como um período de retorno à escola após um primeiro semestre instável.

ESC: Kate Middleton, Style Story, December 2006

Anwar Hussein Collection/ROTA/WireImage

De acordo com a biografia de 2003, William, amigos diziam que Will e Kate não estavam ligados romanticamente e eram apenas companheiros. E o próprio William declarou durante uma entrevista que coincidia com seu 21º aniversário naquele ano, que ele estava solteiro.

"Se eu gosto de uma garota e ela corresponde, o que é raro, eu a chamo para sair", explicou ele. "Mas ao mesmo tempo eu não quero colocá-las em uma situação embaraçosa, porque muitas pessoas não entendem o que acontece ao saírem comigo, e se elas fossem minha namorada, a empolgação que isso provavelmente causaria".

Os locais sabiam, mas William e Kate ainda eram os Jamie Foxx e Katie Holmes de St. Andrews, nunca chegando a uma festa ou jantando juntos ou saindo ao mesmo tempo, muito menos de mãos dadas.

Os pais de Kate esperaram até junho de 2003, quando o ano letivo acabou, para lhe dar uma festa de aniversário de 21 anos, e William certamente não parecia apenas um de seus amigos.

Não sendo mais segredo, o pai de Kate, Michael Middleton, disse a um repórter que ele não achava que ele e sua esposa acabariam como sogros reais.

No entanto, de acordo com Nicholl, ele parecia estar prestando uma atenção especial em sua festa de aniversário de 21 anos no final daquele mês, no Castelo de Windsor, em Jecca Craig, a quem ele conheceu no Quênia durante as férias em 1998.

Mas William sempre insistia que ele e Jecca eram apenas amigos - e ela namorava um amigo dele. (William participou de seu casamento na África em 2016.)

"Tem havido muita especulação sobre cada garota com quem saio, e isso realmente me irrita depois de um tempo, mais ainda porque é um saco para as garotas", disse ele.

Mas quando Kate e William começaram o terceiro ano em St. Andrews em setembro de 2003, eles foram menos cautelosos em ser um casal em público. Eles reduziram o número de colegas de quarto a um (não incluindo o segurança), e mudaram-se para uma casa de quatro quartos no terreno de Balgrove House com a amiga deles Oli Baker.

Prince William, Kate Middleton

ELIOT PRESS/BAUER-GRIFFIN.COM

O casal deu o que falar quando Will foi fotografado com o braço em torno de Kate no topo de uma montanha na aldeia suíça de Klosters, o local de esqui favorito da família real, e o The Sun estava muito feliz em compartilhar a notícia de que o príncipe William tinha uma namorada.

Depois disso, a imprensa estava em cima de Kate, que se comportou de forma admirável em meio à excitação que, como previsto, a nova namorada de William causaria. Além disso, sua família não falava com a imprensa e William gostava de passar fins de semana aconchegantes na casa dos Middleton.

Kate, por sua vez, gostava de ir em todas as residências da família em que William a levava, onde em qualquer final de semana poderia haver uma festa de caça ou outro evento em Highgrove, Sandringham ou Balmoral.

A rainha, de fato, deu a William uma chave para Tam-na-Ghar, uma cabana em Balmoral, para relaxar nos fins de semana, e tornou-se um ponto de fuga para ele e Kate, às vezes sozinhos e às vezes com um grupo que incluía o irmão e a irmã de Kate.

Quando terminou seu terceiro ano em St. Andrews, em 2004, William planejou uma viagem de barco à Grécia que não incluía Kate - mas para na qual seu bom amigo Guy Pelly organizou um grupo só de mulheres.

Pelly é agora um dos padrinhos do príncipe Louis, mas na época Kate realmente não confiava nele.

Não convencida de que William iria se comprometer totalmente, e com os nomes de todos os tipos de suas amigas socialites passando por sua cabeça, Kate foi para casa de sua família durante o verão. Ela passou duas semanas na França, onde Fergus Boyd havia convidado um grupo de amigos de faculdade para a casa de sua família em Dordogne - e uma noite, após beber muito vinho, ela admitiu o quanto sentia falta de William.

Depois de seu verão sozinho, William pareceu voltar a se comprometer em outubro, quando o quarto ano deles em St. Andrews começou. Kate foi convidada para a festa de 56 anos do príncipe Charles em novembro, e também para ir a Klosters em uma viagem de esqui da família em março de 2005.

Mas durante o ano letivo, Kate também descobriu que William tinha ido visitar Isabella Anstruther-Gough-Calthorpe, a irmã de um de seus amigos de polo, durante o verão, e ela pediu a ele para não entrar em contato com ela.

Em maio, com o fim da universidade se aproximando, eles tentaram reatar. Eles se formaram no dia 23 de junho de 2005.

Kate Middleton, Prince William

The Middleton Family

O casal estava ansioso pensando que não iria mais morar junto. E embora William soubesse que ele estaria se juntando às forças armadas no ano seguinte, como é de costume para os homens de sua família, Kate ainda não estava convencida de que ele queria algo realmente a longo prazo.

"Eu tenho apenas 22 anos, pelo amor de Deus", William disse a um repórter em abril sobre subir ao altar, alguns dias antes de seu pai se casar com Camilla. "Eu sou muito jovem para casar. Eu não quero me casar até que eu tenha pelo menos 28, ou talvez 30".

Claro, teria sido o escândalo do ano se Kate tivesse conversado com um repórter, então ela continuou, incapaz de ter uma reação pública - positiva ou negativa - aos comentários de seu namorado.

Mas eles tiveram um verão adorável, viajando para o Quênia juntos para visitar Jecca Craig e passar os dias em uma cabana com diária de US 1.500 por noite no Maasai Lodge, em Nairobi. Kate também se juntou a família de William em Sandringham para sua sessão anual do Boxing Day.

Após surgirem juntos em Sandringham, William levou Kate em um feriado particular de esqui em Klosters, que inevitavelmente teve a presença de fotógrafos. Eles até se beijaram na montanha dessa vez.

E com isso, a contagem regressiva do noivado teve início.

Prince William, Kate Middleton

Shutterstock

Kate seu mudou para seu próprio apartamento em Londres e conseguiu um emprego como compradora de acessórios para a varejista de moda britânica Jigsaw, enquanto William se preparava para a Academia Militar Real em Sandhurst, onde ele treinaria para ser um piloto de helicóptero.

Príncipe Harry havia começado a namorar Chelsy Davy e estava prestes a se formar na academia, tendo decidido ir direto para o treinamento militar depois de Eton. Kate se juntou a ele e Chelsy e William em um clube na noite seguinte, onde eles gastaram US$ 3.000 e o local acabou se transformando "por conta da casa" para os convidados VIP.

William e Kate passaram as férias de 2007 em Mustique e, naquele verão, ela e seus pais tinham assento na primeira fila na cerimônia de despedida de seu namorado em Sandhurst. Charles e Camilla estavam lá, assim como a avó de Will, a rainha.

Naquele verão, eles pareciam estar a caminho do noivado. Kate começou a estudar o que os outros fizeram em seu lugar - o lugar dela, até onde ela sabia, era a caminho de se juntar à família real.

A equipe de imprensa da Clarence House também cuidava de Kate, assim como a equipe de segurança de William que cuidava dela sempre que estavam juntos.

Mas no final de 2006, William cancelou a passagem de Ano Novo com a família de Kate, que havia reservado uma casa de campo na cidade escocesa de Alyth.

Também não houve o Natal em Sandringham, embora Kate tivesse sido convidada para almoçar - o que era um grande passo, já que eles ainda não eram casados ou estavam noivos. Mas Kate estaria fora da cidade com seus pais, pensando que William estaria se juntando a eles uma semana depois.

Então William teve que partirr para sua primeira missão, com os Blues e Royals, da Household Cavalry do exército britânico, em Dorset, em 8 de janeiro de 2007 - um dia antes do aniversário de 25 anos de Kate.

Foi também nessa época que uma matéria do The Spectator anunciou Kate como "A PRÓXIMA PRINCESA DO POVO". Os paparazzi não a deixaram em paz por um segundo depois disso.

"A srta. Middleton deveria, como qualquer outra pessoa, ser capaz de cuidar de seus afazeres diários sem esse tipo de intrusão", dizia uma declaração do palácio, enviada a pedido de William. "A situação está se mostrando insuportável para todos os envolvidos".

Nos bastidores, William pedia conselhos ao pai e à rainha sobre seu futuro; ambos o aconselharam a não se apressar em nada.

Enquanto isso, os paparazzi ficaram muito desapontados na esperança de flagrar William e Kate juntos. As visitas eram poucas e variadas quando ele ia a Dorset, e então ele foi fotografado curtindo uma noite com amigos, incluindo outras garotas, no Boujis, uma boate exclusiva em Londres que costumavam frequentar.

Ele estava na cidade ao invés de passar a noite com sua namorada supostamente séria. Então ele foi fotografado com o braço em torno de uma garota e dançando com uma outra menina em um clube mais perto de seu posto.

Kate Middleton, Prince William, Easter Sunday Service

Kirsty Wigglesworth/PA Wire

Adivinhando que quatro anos haviam sido suficientes para um namoro, os jornais estavam prevendo que um compromisso seria promissor.

Ao invés disso, William terminou com Kate.

No dia 31 de março, eles fizeram um double date com os amigos Hugh e Rose van Cutsem. No dia 3 de abril, Kate estava solteira de novo quando partiu para uma viagem à Irlanda.

Ela estava, compreensivelmente, devastada - mas não deixou William pensar que ele poderia aparecer do nada e ficar com ela.

Kate se inscreveu em um desafio de remo beneficente com uma equipe só de garotas e começou a treinar duro. "Kate estava muito triste e acho que o treinamento se tornou sua terapia", recordou Emma Sayle, líder do grupo, para Marcia Moody em seu livro de 2018, Kate: A Biography. "Kate sempre colocou William em primeiro lugar e ela disse que era uma chance de fazer algo por si mesma".

Ela até foi flagrada sendo levada embora de uma festa com Willem Marx, um velho namorado de seus dias em Marlborough, que tinha ido para Oxford enquanto ela escolheu a St. Andrews.

Pippa foi morar com ela em Londres e elas mantiveram uma agenda social lotada. Nem precisamos dizer que Kate nunca esteve tão linda ao ser fotografada e ela até acabou na capa da revista Hello!.

William, que apesar de suas noitadas, estava começando a se arrepender de sua decisão de se separar, convidou Kate para uma festa a fantasia em seu quartel em junho de 2007.

Ele foi novamente impressionado pelo look de Kate, que estava vestida como uma enfermeira sexy.

Eles rapidamente se reconciliaram.

No dia 24 de junho de 2007, Katie Nicholl relatou para o Mail on Sunday que Kate Middleton e o Príncipe William estavam de fato oficialmente juntos. Ela esteve presente no Concerto para Diana, no dia 1º de julho, no estádio de Wembley.

Kate Middleton, Prince William

Mario Testino/Clarence House

A propósito, não importava o quão inseguro ele estava em relação ao que fazer com a proximidade do fim de sua faculdade, William, de 22 anos, tinha adivinhado corretamente a idade que iria se casar.

"Eu acho que na época eu não estava muito feliz com isso", Kate calmamente refletiu sobre a separação de dois meses em sua entrevista de noivado de 2010, depois que William, com 28 anos, pediu sua mão e colocou em seu dedo a aliança de safira e diamante que uma vez pertenceu a princesa Diana, "mas na verdade isso me fez uma pessoa mais forte".

"Você descobre coisas sobre si mesma que talvez você não tenha percebido. Eu acho que você pode ficar bastante consumido por um relacionamento quando você é mais jovem. Eu realmente gostei desse tempo para mim também, embora eu não tenha pensado nisso na época".

William acrescentou: "Nós dois éramos muito jovens. Estávamos nos descobrindo e tendo personalidades diferentes. Estávamos tentando encontrar nosso próprio caminho e estávamos crescendo, então foi apenas um pouco de espaço e funcionou para o melhor".

  • Share
  • Tweet

We and our partners use cookies on this site to improve our service, perform analytics, personalize advertising, measure advertising performance, and remember website preferences. By using the site, you consent to these cookies. For more information on cookies including how to manage your consent visit our Cookie Policy.